35ª Corrida dos Sinos/José Gaspar e Inês Marques vencem destacados

0
597

O Palácio Nacional de Mafra foi concebido inicialmente como um pequeno convento para 13 frades. Mas o projeto para o Real Convento de Mafra foi sofrendo sucessivos alargamentos, acabando num imenso edifício de cerca de 40.000 m2, com 300 frades da Ordem de S. Francisco.

Também a Corrida dos Sinos quando teve a sua primeira edição em 1983 com 466 classificados, estava longe de atingir os números de hoje, mais do que triplicando os números de então.

A manhã esteve excelente para a prática da corrida e foram milhares, aqueles que acorreram mais uma vez a Mafra.

José Gaspar (Odimarq Atletismo) tomou o comando da corrida logo no seu início e quase que se pode dizer que fez uma corrida contra-relógio ao longo dos 15 km do percurso. Acabou em 46m53s, distanciado 1m38s de Pedro Arsénio (Beja AC). Só existiu alguma luta na disputa do terceiro lugar do pódio que coube a Jorge Robalo (CA Vale Figueira) em 50m11s, um escasso segundo antes de João Caetano (Odimarq Atletismo).

Em femininos, Inês Marques (UF Comércio e Indústria/Atletismo) não deu hipóteses às suas mais diretas adversárias, vencendo destacada em 57m27s. Seguiram-se-lhe a vencedora de 2015 e 2016, Margarida Dionísio (Indiv.) a 1m04s e Verónica Scutaru (Beja AC) a 1m47s. Sara de Sousa foi a última com 2h02m55s.

Coletivamente, classificaram-se 75 equipas em masculinos e 9 em femininos. Em masculinos, venceu o Odimarq Atletismo com 26 pontos, seguido do CUA Benaventense com 82 e do Estabil-Mafra Com Vento com 96. Em femininos, venceu o Amigos Atletismo Mafra com 45 pontos, seguido de SS CGD com 255 e da Casa Benfica Torres Vedras com 264.

Os recordes da prova continuam na posse de António Pinto com 43m57s em 1994 e Rosa Mota com 50m11s em 1987.

Elevado número de participantes

Classificaram-se 1.650 participantes, o terceiro melhor registo de sempre, apenas suplantado pelos 2.027 em 1990 e 1.983 em 1989. Foi bonito ver-se tanta gente a correr quando boa parte das provas de estrada registam uma quebra de participantes.

Entre os participantes, há um que merece uma referência especial: João Lima que comemorou o seu 57º aniversário a correr. Os nossos parabéns!

Dos 1.650 de agora, tivemos 287 do sexo feminino (17,4%).

Realizou-se ainda a Corrida dos Sininhos na distância de 6 km, também com uma elevada participação.

A organização esteve excelente, ao nível que nos habituou. Hora e meia depois do início da prova, já estavam afixadas as classificações de quem tinha corrido até 1h10m.

 

corrida-dos-sinos-2017-nidia-valadaresNÍDIA VALADARES/ASSOCIAÇÃO ATLETISMO LEBRES SADO

Tem 39 anos e é contabilista. Corre há dois anos e estreou-se na Corrida do Benfica. Treina 2/3 vezes por semana e veio para as corridas por sua iniciativa. Numa prova, valoriza mais o percurso. Já desistiu numa prova (partiu a mão). Gostou da organização, tendo sido a 149ª feminina com 1h28m29s.

foto-joao-limaJOÃO LIMA/4 AO KM

Tem 57 anos e está desempregado. Corre há 11 anos e estreou-se na Mini da Ponte 25 Abril. Treina 4/5 vezes por semana e veio para o atletismo por sua iniciativa. Numa prova, dá mais importância à segurança. Já desistiu uma vez numa corrida e quanto à organização hoje em Mafra, gostou muito, “como sempre”. Foi o 885º da geral com 1h19m14s.

 

 

corrida-dos-sinos-2017-jose-calixtoJOSÉ CALIXTO/INDIVIDUAL

Tem 64 anos e é bibliotecário. Corre há quatro anos e estreou-se na Corrida do Tejo. Treina duas vezes por semana e veio para o atletismo por sua iniciativa. Numa prova, valoriza aspetos como o percurso, a organização propriamente dita (existência de bengaleiro, facilidade na entrega de dorsais, etc). Nunca desistiu e quanto à organização, gostou com reservas relativas a alguma confusão na entrega dos dorsais. Classificou-se em 1529º lugar com 1h38m36s.

corrida-dos-sinos-2017-fernanda-vieiraFERNANDA VIEIRA/AMIGOS ATLETISMO MAFRA

Tem 44 anos e é empregada de escritório. Corre há dois anos e estreou-se numa corrida de solidariedade em Peniche, na distância de 10 km. Treina três veze por semana e veio para o atletismo por sua iniciativa. Numa prova, valoriza mais o trânsito. Nunca desistiu e estreou-se hoje em Mafra. Gostou da sua organização, tendo sido a 123ª feminina com 1h23m07s.

RESULTADOS 35ª CORRDIA DOS SINOS/MAFRA (02/049

Masculinos

1º José Gaspar (Odimarq Atletismo) 46.53; 2º Pedro Arsénio (Beja AC) 48.31; 3º Jorge Robalo (CA Vale Figueira) 50.11; 4º João Caetano (Odimarq Atletismo) 50.12; 5º Pedro Nogueira (Estabil-Mafra Com Vento) 50.21; 6º Filipe Ferreira (ACR Vale de Cambra) 50.45; 7º João Bragadeste (UF Comércio Indústria/Atletismo) 50.55; 8º Francisco Pedro (Odimarq Atletismo) 51.22; 9º Vítor Oliveira (ASC Vale Grande) 51.27; 10º Pedro Ribeiro (CUA Benaventense) 51.28

Equipas

1ª Odimarq Atletismo, 2ª CUA Benaventense; 3ª Estabil-Mafra Com Vento; 4ª Casa Benfica Torres Vedras; 5ª ASC Vale Grande

Femininos

1ª Inês Marques (UF Comércio Indústria/Atletismo) 57.27; 2ª Margarida Dionísio (Indiv.) 58.31; 3ª Verónica Scutaru (Beja AC) 59.14; 4ª Kcenia Bougrova (Sporting CP) 59.34; 5ª Mónica Vieira (UA Povoense) 1.03.23

Equipas

1ª AA Mafra; 2ª SS CGD; 3ª Casa Benfica Torres Vedras; 4º Peniche@Correr; 5ª Casa Benfica Algueirão Mem Martins

Deixar Resposta