7 Maio – Wings fort Life World Run: 4 portugueses correm em 3 continentes

0
234

O mundo volta a correr por aqueles que não podem

Pelo quarto ano consecutivo, o mundo vai correr por aqueles que não podem na Wings for Life World Run. Será no dia 7 de Maio em 24  locais dos cinco continentes. Nesta edição, o conceito pretende atrair ainda mais participantes através de uma aplicação (APP) e será esta a via que os portugueses motivados em apoiar a investigação da cura das lesões na espinal medula têm para apoiar esta causa.

Lançada em 2014, a Wings for Life World Run veio introduzir um novo conceito de corrida. A ideia surgiu entre corredores do aeroporto de Moscovo. Seria possível pela primeira vez organizar uma corrida simultânea em diferentes pontos do globo? A esta questão foi respondida afirmativamente por Anita Gerhardter, a CEO da Fundação Wings for Life. Estava encontrada uma forma de mobilização planetária para encurtar a distância que separa a ciência da cura das lesões na espinal medula, a principal razão da existência desta organização sem fins lucrativos sediada na Áustria.

Nas três edições até agora realizadas (2014, 2015 e 2016), participaram 280 mil pessoas de 193 países, que correram por aqueles que não podem em 38 locais. O resultado desta mobilização planetária foram 13,8 milhões de euros, 100% direcionados para apoiar a investigação científica, que está a desenvolver esforços para tornar possível a cura das lesões na espinal medula.

Além de milhares de pessoas poderem correr ao mesmo tempo em diferentes continentes, o conceito de Carro Meta que inicia a sua perseguição 30 minutos depois da saída do pelotão, aumentando progressivamente a velocidade, veio fazer a diferença. Em vez de uma distância fixa como é habitual na corrida, é a meta a perseguir os corredores!

Este ano, o conceito ganha uma nova dimensão, com a aplicação Wings for Life World Run APP que permitirá a participação de qualquer pessoa, em qualquer lugar. Para isso, basta apenas fazer o download gratuito da aplicação em www.wingsforlifeworldrun.com e depois os interessados podem juntar-se por via digital ao pelotão global no dia 7 de Maio, às 12 horas de Portugal. No nosso país, há a registar a organização espontânea de encontros para correr com a Wings for Life World Run APP, em Lisboa, em Lousada e em vários pontos do país, através dos grupos da Federação Portuguesa de Atletismo.

Portugueses pelo mundo

No ano passado, Portugal brilhou na classificação da Wings for Life World Run – com vencedores em quatro corridas: Porto (António Sousa e Vera Nunes), Dubai (Hélder Santos) e Niagara Falls (Doroteia Peixoto). O prémio para estes vencedores é poderem correr em 2017 num local à sua escolha.

António Sousa vai estar em Pretória, na África do Sul. Vera Nunes e Hélder Santos irão correr na Austrália, em Melbourne. Doroteia Peixoto decidiu correr este ano em Viena.

Mais informações:

www.wingsforlifeworldrun.com

www.wingsforlife.com

 

Deixar Resposta