3 de Outubro: Aniversário de Alberto Paulo/Campeão mundial universitário nos obstáculos

0
666

Alberto Paulo nasceu em 3 de Outubro de 1985, na Calheta. Representou o CS Marítimo entre 2003 e 2011, o SL Benfica desde 2012 e o Sporting desde 2018. O atletismo entrou na sua vida aos 16 anos. A irmã convenceu-o a participar num corta-mato escolar. Venceu e foi depois à fase regional, sendo terceiro. No ano seguinte, já ganhou essa fase regional e o prof. Ricardo Nunes – que ao longo dos anos acompanhou os seus treinos – levou-o a correr uma prova de estrada com atletas federados, onde foi terceiro. Começou a competir como juvenil e a salientar-se no ano seguinte, sendo campeão nacional da categoria nos obstáculos e nos 5.000 metros e chegando a internacional no Europeu de Corta-Mato.

Em 2005, passou a treinar sob a orientação, à distância, de João Campos que lhe programava os treinos. O seu treinador de origem, Ricardo Nunes, acompanhava-o no terreno. Periodicamente, deslocava-se ao Continente e estava com João Campos, mais tarde substituído nas funções por António José Costa, ainda o seu treinador.

Teve então dois anos de grande progressão, em 2007 e 2008. Passou de 8.49,89 em 2006 para 8.36,98 em 2007 e para 8.24,2 em 2008. Alberto Paulo ainda melhorou para 8.22,41 em 2011 e brilhou no Europeu de 2010 (chegou à final e foi 10º, mais tarde 9º por doping de um adversário) e no Mundial de 2011 (voltou a ser finalista, sendo 15º), depois de ser campeão mundial universitário nas Universíadas de Shenzhen, na China.

O período entre 2012 e 2015 foi difícil para Alberto Paulo devido a arreliadoras lesões. Reapareceu no inverno de 2016 para ser vice-campeão nacional de estrada (feito que repetiria em 2017) e 4º no Nacional de corta-mato. Mas a sua época de pista, tanto em 2016 como em 2017, resumiu-se novamente a uma só prova de 3.000 m obstáculos.

A nível internacional, merecem uma referência especial as participações nos Jogos Olímpicos de 2008 e 2012.

Recordes pessoais
1.500 m 3.52,20 2007
3.000 m 8.04,48 2011
3.000 m obst. 8.22,41 2011
5.000 m 13.59,25 2010

Principais classificações nacionais (3000 m obstáculos, salvo indicação):

– Campeão nacional em 2011, 2012 e 2014 (2º em 2006, 2007 e 2009, 3º em 2005, 5º em 2003 e 2004);

– Vice-campeão nacional de corta-mato (longo e curto) em 2013 (3º em 2012 no crosse curto e 2014 no longo, 4º em 2016 no longo)

– Vice-campeão nacional de estrada em 2014, 2016 e 2017 (4º em 2015)

– 3º nos 3000 m – pista coberta (2011) e nos 5000 m (2010)

– Campeão nacional sub-23 em 2005 e 2006 e de 3000 m (pista coberta) em 2005 (3º em 2006 e 2007);

– Campeão nacional júnior em 2003 e 2004 (e de 5000 m em 2003);

– Vice-campeão nacional sub-23 de corta-mato em 2007;

– Vice-campeão nacional júnior de 3000 m (p. coberta) em 2004.

Internacionalizações

– Jogos Olímpicos de 2008 e 2012

– Campeonatos do Mundo de 2009 e 2011

– Campeonato da Europa de 2010, 2012 e 2014

– Europeu de Seleções de 2009, 2011, 2013 e 2014

– Europeu de Sub-23 de 2007

– Universíadas de 2011 (1º)

– Ibero-Americanos de 2010 (3º)

– Jogos da Lusofonia de 2006 (2º)

– Europeus de Corta-Mato de 2003, 2004, 2006, 2007, 2009 e 2012

PARABÉNS ALBERTO PAULO!

Deixar Resposta