Acusado no escândalo, do doping, vice-ministro do Desporto russo deixa o cargo

0
2191

O governo da Rússia confirmou nesta segunda-feira a demissão do vice-ministro do Desporto, Yury Nagornykh, segundo a agência de notícias Reuters. Investigações realizadas pela Agência Internacional Antidoping (Wada) apontaram, no início do ano, que ele era o principal articulador do apoio do estado russo ao esquema de doping entre atletas do país. Devido ao escândalo, a federação russa de atletismo foi suspensa e proibida de inscrever atletas na Rio 2016.

Segundo os relatórios da Wada, Nagornykh era informado frequentemente de casos de atletas que testavam positivo em substâncias proibidas e decidia quem seria coberto e quem não receberia a proteção do esquema. No comunicado que confirmou a saída de Yury, o governo russo não relacionou o facto ao escândalo de doping e disse que ele apenas pediu para sair.

Na semana passada, o ministro do Desporto russo, Vitaly Mutko, também deixou o cargo. No entanto, no caso dele, a saída foi para assumir outro posto dentro do governo: tornou-se vice-premier para os desportos.

Deixar Resposta