Agência russa antidoping investiga 70 desportistas que poderão ter-se dopado

0
813

A agência russa antidoping RUSADA informou de que até 70 desportistas poderão ter tomado substâncias dopantes. A agência anunciou na semana passada que ia analisar 33 casos de desportistas de diferentes modalidades suspeitos de haverem recebido transfusões.

O máximo responsável da RUSADA, Yuri Ganus, informou entretanto que este é apenas um primeiro pacote de investigações que abrange 70 casos. Todos eles estão ligados com uma academia situada na região de Chuvashia, onde o atletismo tem um grande peso.

Com esta investigação, a Rússia pretende mostrar o seu compromisso para que a IAAF retire o veto, de forma a poder competir no Mundial de Doha.

Deixar Resposta