Ana Cabecinha a «meio gás» na Taça de Portugal

0
3125

Fracos os resultados da Taça de Portugal de Marcha, realizada este sábado em Montemor-o-Novo, em parte explicados pelo mau tempo (vento e chuva), pelo número excessivo de atletas em competição e pelo grande atraso na partida. Ana Cabecinha ganhou naturalmente a prova de 10000 m, mas a mais de dois minutos do seu melhor, em 45.20,48. Melhor (em termos relativos) esteve Edna Barros, que bateu o seu recorde pessoal para 45.55,58, sendo agora a quinta nacional de sempre. O CO Pechão completou o pódio, com Laura Leal, em 49.15,61, à frente da veterana (45 anos) Alexandra Lamas (52.42,15). Maria Bernardo (CO Pechão) foi a melhor júnior (49.35,57).

No setor masculino, os melhores ficaram aquém da marca feminina! E o melhor tempo foi do júnior sportinguista Paulo Martins, que gastou 45.23,72, contra 46.40,07 do melhor sénior, Cristiano António. Estiveram ausentes os melhores especialistas, nomeadamente João Vieira, e o Benfica não apresentou qualquer atleta na competição!

Nos escalões jovens (5000 m), triunfaram o iniciado Pedro Dias (CO Pechão), com 24.34,0, e a juvenil Catarina Santos (Sporting), com 27.19,69, neste caso à frente da iniciada Catarina Torres (individual), com 27.29,51.

CA Tunes (masculinos) e CO Pechão (femininos) ganharam coletivamente.

Deixar Resposta