Após longa luta contra cancro, morreu Gabriele Grunewald que sonhava ir aos JO de Tóquio

0
924

Famosa nas redes sociais por mostrar o seu dia a dia na luta contra o cancro, a maratonista Gabriele Grunewald morreu aos 32 anos. A americana, que tinha o sonho de disputar os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, sofria com um raro carcinoma na glândula salivar desde 2009. A morte foi divulgada pelo marido da atleta nas suas redes sociais.

– Às 7h52m eu disse à minha heroína”mal posso esperar para te ver de novo”, minha melhor amiga minha inspiração, minha esposa. Eu sempre me senti como o Robin para o seu Batman e sei que nunca vou conseguir preencher esse vazio no meu coração – postou Justin Grunewald, marido da atleta.

Natural de Perham, no Minnesota, Gabe, como era conhecida, representou os Estados Unidos na prova dos 3.000m do Mundial de pista coberta de Sopot, na Polônia, em 2014, ano em que também foi campeã nacional. Dois anos antes, ela disputou a seletiva olímpica dos 1.500m para os Jogos de Londres e foi quarta clasificada.

Devido ao avanço do cancro, Gabe precisou de remover 50% do fígado em 2016. A partir de então, a americana passou a travar uma luta diária para voltar a correr ao alto nível. Mesmo com todos os problemas, a atleta ainda tinha esperança em estar presente nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Deixar Resposta