Apuramento do Nacional de Clubes em cinco pistas

0
2554

Pela primeira vez o apuramento do Campeonato Nacional de Clubes, a realizar a 16 e 17 de junho (três semanas mais tarde que habitualmente), será disputado em cinco pistas e não nas quatro habituais, com vantagem para os clubes algarvios, que deixaram de ter de viajar até ao centro do país. Serão utilizadas as pistas de Guimarães (15 equipas masculinas e 13 femininas), Abrantes (17+13), Setúbal (12+8), Faro (5+4) e Ribeira Brava (4+4), neste caso para as formações da Madeira. A única equipa açoriana inscrita (Juventude Ilha Verde, no setor masculino) atuará em Fátima.

Inscreveram-se um total de 53 equipas masculinas e 42 femininas, a que haverá que juntar as já apuradas do Benfica (masculinos) e Sporting (femininos), campeãs nacionais que disputarão em final de maio a Taça dos Clubes Campeões Europeus. Dificilmente se baterá o recorde de equipas classificadas, pelo menos no setor masculino (50 masculinas em 2011 e 35 femininas em 2015), pois há sempre cerca de uma dezena de cada sexo que não apresenta depois o número mínimo de atletas para pontuar. No ano passado, classificaram-se 43 formações masculinas e 28 femininas, números que poderão ser este ano ligeiramente melhorados.

Nesta fase de apuramento, juntam-se os resultados de todas as cinco pistas e, depois, as sete equipas mais pontuadas (mais a campeã em título) disputarão o Nacional da I Divisão, as oito seguintes a II Divisão e mais oito a III Divisão, realizando-se esta fase final a 21 e 22 de julho.

Uma curiosidade: por erro, a Federação incluiu inicialmente a equipa masculina do Benfica, em vez da do Sporting, na lista de concorrentes a esta fase de apuramento. Mas o campeão de 2017 foi o Benfica, que irá estar na Taça dos Campeões. No setor feminino está certa a presença do Benfica nesta fase, já que o campeão foi o Sporting!…

Deixar Resposta