Associação de atletas defende exclusão de dopados dos Jogos Olímpicos

0
2268

A Associação Mundial de Atletas Olímpicos (WOA), que reúne 120 mil participantes e ex-participantes de Jogos Olímpicos, defendeu que os culpados de doping não voltem a participar noutra edição do evento, mesmo que já tenham cumprido a suspensão determinada.

Em comunicado divulgado três dias depois do segundo relatório McLaren, realizado a pedido da Agência Mundial Antidoping (Wada), a WOA também se disse partidária do banimento para aqueles que organizem um esquema de doping.

Além disso, a entidade que reúne atletas e ex-atletas olímpicos defendeu que as análises e as punições para quem usar substâncias ilícitas em competições sejam independentes dos órgãos desportivos e governamentais.

Os atletas também pedem um “aumento radical” dos recursos para lutar contra o doping e que os “limpos” que pertencem a países que participam dos sistemas de doping não sejam punidos. A WOA é presidida pelo ex-decatleta francês Joël Bouzou, que participou em quatro edições dos Jogos Olímpicos entre 1980 e 1992.

Deixar Resposta