Autoridades russas admitem finalmente “manipulação inaceitável” de doping

0
1588

O ministro russo do Desporto, Pavel Koblokov, e os presidentes dos Comités Olímpico e Paralímpico, Alexander Zhukov e Vladimir Lukin, enviaram uma carta à Agência Mundial Antidopagem (AMA) em que reconhecem a existência de “manipulação inaceitável” no sistema antidopagem e doping sistemático no país.

As autoridades russas prometem agir no sentido de erradicar o doping do seu país. “Podemos confirmar que ações apropriadas foram e serão tomadas contra os envolvidos neste esquema de doping sistemático e que essas pessoas deixarão de desempenhar qualquer papel ou ter qualquer influência na luta contra o doping na Rússia”.

Nesta carta, é pedida mais uma vez o levantamento da suspensão do país. Para o presidente da AMA, Craig Reedie, este foi “o sinal mais encorajador que alguma vez foi dado”.

O reconhecimento das autoridades russas das conclusões das investigações ao doping generalizado no país é uma das últimas duas condições exigidas pela AMA para levantar a suspensão à agência antidopagem russa (RUSADA), decidida em novembro de 2015.

A outra condição é a autorização por parte das autoridades russas ao acesso dos técnicos da AMA ao laboratório antidopagem de Moscovo, o que até agora tem sido recusado.

 

 

Deixar Resposta