Balanço da época 2018 – 10000 metros (F): Sara Moreira ganhou Ibérico

0
2226

Vencedora do Troféu Ibérico, Sara Moreira esteve em foco nos 10000 m, embora também com um fator negativo – a desistência (dela e de Inês Monteiro) no Europeu de Berlim, onde apenas Catarina Ribeiro concluiu a prova, em 10º lugar. Num ranking marcada quase em exclusivo pelo Troféu Ibérico/Campeonato de Portugal (realizados em conjunto), registou-se nova descida nas médias das 10 e 20 melhores do ano: 34.10,60 no top’10 e 37.58,16 no top’20, das piores dos últimos anos e cada vez mais longe das médias-recordes: 32.28,74 em 1994 e 34.14,84 em 1996. Outros tempos…

PÓDIO:

1ª SARA MOREIRA (SPORTING)

Ganhou folgadamente (mais de 12 segundos) o Troféu Ibérico, mesmo com um tempo (32.10,50) bem aquém da sua valia. Desistiu no Europeu de Berlim.

2ª CATARINA RIBEIRO (SPORTING)

Melhorou o recorde pessoal de 32.27,88 para 32.21,19 ao ser quarta no Meeting Fernanda Ribeiro e, no Europeu de Berlim, foi a única portuguesa a classificar-se (10ª), com 32.53,71.

3ª INÊS MONTEIRO (SPORTING)

Aos 38 anos, foi terceira no Meeting Fernanda Ribeiro, na Maia, com 32.20,72, naturalmente longe do seu melhor (31.13,58), que já vem de 2010.

E AINDA:

Cátia Santos progrediu mais de dois minutos, melhorando de 35.38,36 para 33.35,45 no Troféu Ibérico (foi 6ª e vice-campeã de Portugal) e 33.21,98 na Taça da Europa, onde foi 28ª e… única portuguesa! Susana Cunha, com 36.56,11 como melhor em 2017, foi 3ª no Campeonato de Portugal, com 34.31,51.

A REVELAÇÃO: não houve

A melhor jovem (júnior ou sub’23) gastou mais de 36 minutos…

Ranking da época: http://atletismo-estatistica.pt/anuais/absolutos-2018-f-2/

Deixar Resposta