Balanço da época 2020 – 100 m barreiras (F): “Semi” Olímpia Barbosa continuou a dominar

0
165

Numa mini-época, na qual apenas fez três competições, Olímpia Barbosa dominou, embora longe das marcas de 2019. Bons progressos de Catarina Queirós.

PÓDIO:

1ª OLÍMPIA BARBOSA (SPORTING)

Vencedora da I Divisão com 13,71, campeã de Portugal com ventosos 13,85 (13,87 regulares na eliminatória) e segunda no Meeting de Lisboa com 13,97, dominou o ranking nacional, embora longe dos 13,36 (e não só) de 2019.

2ª CATARINA QUEIRÓS (J. SERRA)

Com 14,19 como melhor (já em 2016 e 2017), progrediu esta época até aos 13,91 no Campeonato de Portugal, com 14,06 como segunda marca.

3ª FATUMATA BALDÉ (BENFICA)

Aproximou-se do seu recorde pessoal (14,02 em 2019) com 14,04 no Meeting de Lisboa e chegou a 13,99, mas com vento, no Campeonato de Portugal (3ª).

E AINDA…

Raquel Lourenço aproximou-se do seu melhor (14,22 em 2018), com 14,37. Boas estreias das juvenis Margarida Patrício (campeã nacional júnior com 15,09) e Lurdes Oliveira (vencedora da II Divisão com 15,38). Jennifer Gomes progrediu de 15,43 para 15,24.

MELHOR PROGRESSÃO: INÊS PIRES (GCA DONAS)

Júnior de 1º ano, progrediu de 16,11 para 15,07 no pentatlo do Campeonato de Portugal.

Ranking da época em http://atletismo-estatistica.pt/

Deixar Resposta