Balanço da época 2020 – comprimento (F): Evelise Veiga aumenta vantagem

0
166

No seu quarto ano a liderar o ranking nacional, Evelise Veiga está cada vez mais isolada. Por ela, que bateu o recorde pessoal, e por Patrícia Mamona, que se dedicou pouco à especialidade.

PÓDIO:

1ª EVELISE VEIGA (SPORTING)

Depois de liderar o ranking de pista coberta com os 6,48 do Campeonato de Portugal, melhorou para 6,64 no Meeting de Lisboa (recorde pessoal por 3 cm) e sagrou-se campeã de Portugal com 6,49.

2ª PATRÍCIA MAMONA (SPORTING)

Só fez três provas, com 6,40 em pista coberta e 6,22 ao ar livre como melhor.

3ª YARIADMIS ARGUELLES (INDIVIDUAL)

Já com 36 anos, saltou 6,31 em Espanha, depois de ter sido vice-campeã nacional de pista coberta, com 6,30. Sê-lo-ia depois também ao ar livre, mas, neste caso, 6,02 chegaram-lhe…

E AINDA…

A são-tomense Agate Sousa melhorou de 6,05 para 6,26 e Lucinda Gomes de 6,21 para 6,24. A um outro nível, Catarina Karas progrediu de 5,66 (em 2016) para 5,85 e, entre as mais jovens, Leonor Tiago foi campeã nacional júnior de pista coberta progredindo de 5,65 para 5,78.

MELHOR PROGRESSÃO: LURDES OLIVEIRA (GR EIRENSE)

Ainda juvenil, melhorou de 5,69 para 5,79, fechando o top’10 nacional do ano.

Ranking da época em http://atletismo-estatistica.pt/

Deixar Resposta