Caster Semenya vê tribunal suíço recusar apelo da IAAF

1
51

Caster Semenya teve mais uma decisão a seu favor na luta que vem travando com a IAAF. Uma semana depois de o tribunal suíço ter suspendido a regra da IAAF que proibia a sul-africana de correr provas entre os 400 m e a milha, ela viu agora o mesmo tribunal recusar o apelo da IAAF. Assim, continua a não precisar de cumprir a regra de controle hormonal. A decisão final pode demorar até um ano para se conhecer um veredito

1 Comentário

  1. Eu sempre disse que isso não era solução. A solução seria simplesmente não permitir de maneira nenhuma a participação fora do desporto para portadores de deficiência, de atletas com DSD (assim como acontece com atletas em cadeira de rodas e assim como deveria acontecer com atletas com próteses). As atletas com DSD teriam que ter o seu próprio escalão em Jogos Paralímpicos etc e nunca poderiam estar habilitadas a participar fora do mesmo.

Deixar Resposta