Conheça os benefícios do ovo para além do desenvolvimento muscular

0
2510

Quem acha que o ovo é o vilão da dieta está completamente enganado. O produto de origem animal é, na verdade, o grande trunfo para ganhar músculos além de garantir outros benefícios para o organismo. Os nutrientes da gema complementam o que a clara oferece. Nela, está 60% do peso do ovo onde se encontra água e albumina, proteína essencial para o crescimento muscular, e é duas vezes menos calórica que a gema. Na parte amarela do ovo, existem as vitaminas essenciais ao organismo, como as do complexo B e outros minerais.

Conheça as vantagens que o ovo tem na sua alimentação:

Corpo em forma

De acordo com pesquisas da Universidade de Connectcut (EUA), as pessoas que ingerem um ovo na primeira refeição do dia, saciam-se com menos calorias durante as 24 horas seguintes, comparado com quem come apenas carbohidratos. Coincidentemente, ou não, outro estudo que complementa a informação, indica que as pessoas com maior consumo de proteínas e menos carbohidratos pela manhã, acham mais fácil manter o corpo em forma, segundo a Universidade de Illinois (EUA).

Corpo vitaminado

As vitaminas são compostos orgânicos que servem para fazer funcionar todo o seu organismo. Desde repor tecidos, a prevenir doenças. Por isso, é tão importante ter alimentos naturais na dieta. O ovo é uma excelente fonte de vitaminas A, D, E e B12, que, de uma maneira geral fazem bem aos olhos, pele, ossos e memória, respetivamente. As vitaminas e os sais minerais estão contidos na gema. Nós precisamos de vitaminas que ajudam o cérebro a funcionar e enviar com sucesso as sinapses. Para isso, é importante comer a gema do ovo também. “Nela está a colina, uma vitamina do Complexo B, que é relacionada com a memória e tem suplementos que ajudam em todo o funcionamento.

“As proteínas de alta absorção e lipídio, que tornam biodisponíveis nutrientes importantes, são associadas à prevenção da degeneração celular.

Dieta balanceada

Não é saudável e tem poucos benefícios, mas quem não gosta de um ovo frito? Infelizmente, por causa da fritura, o ovo tem uma fonte extra de gordura saturada – aquela que aumenta o mau colesterol (LDL) por causa do óleo que adicionamos para fritá-lo. “Além disso, perdem-se os antioxidantes e algumas vitaminas que são mais sensíveis ao calor, como a E. Prefira-o cozido – dá para colocar na salada e comer frio – mexido, omelete ou escalfado. O colesterol contido no ovo é importante para sintetizar hormónios como a testosterona, que é um anabolizante natural do organismo, e a vitamina D que mantém as células saudáveis.

O ideal é comer um ovo pós-treino. Se quiser ingerir mais proteína, parta outra clara e adicione à receita.

Músculos grandes – Crescimento

Um ovo cozido possui, em média, seis gramas de proteína. A quantidade não é suficiente para um dia, mas é uma excelente fonte ao longo da dieta. “A clara do ovo contém albumina, uma proteína que ajuda no desenvolvimento muscular. Ela é uma das principais propriedades que se unem às fibras do seu organismo para que o seu corpo incha e cresça após a atividade física. “A parte branca do ovo ainda possui nove aminoácidos essenciais, tornando-a aliada para o aumento de massa muscular e contribuir na recuperação. Não dispense a gema: ela contém altas quantias de vitamina B12, essenciais na quebra de gordura para a construção muscular.
Pós-treino

Apesar de tantas qualidades, a principal delas é garantir a reposição da proteína e carbohidrato após a atividade física. Aproveite os benefícios e o facto de ser um alimento leve para comer à noite e coma o ovo (cozido, escalfado ou mexido) depois de treinar.

Deixar Resposta