‘Correr Lisboa’ oferece 10 mil euros para áreas de endoscopia e pediatria do IPO

0
1753

Há um ano o ‘Correr Lisboa’ lançou um desafio a todos adeptos da corrida que participam no grupo. Fazer 175 mil quilómetros a correr, entre Janeiro e Novembro, para conseguir um donativo para o Instituto Português de Oncologia. O objetivo além de ter sido cumprido, foi largamente ultrapassado.

‘Correr Lisboa’ lançou um desafio à instituição bancária Santander Totta e aos mais de mil atletas que participam nos treinos em Lisboa e Odivelas, de nome Corridas Solidárias.
Os atletas corriam e a distância realizada era descarregada e contabilizada na página do grupo. Depois de somada, ficava-se a conhecer o número de quilómetros realizados.
Este sábado, os adeptos do Correr Lisboa, juntaram-se e celebraram esta iniciativa que terminou com mais de 205 mil quilómetros realizados.
O cheque de 10 mil euros teve com destino a Unidade de Endoscopia e Serviço de Pediatria do IPO de Lisboa.
Sandra Ramos Claro, organizadora e fundadora do ‘Correr Lisboa’ disse: “Pensamos que correr só por correr já é divertido, correr para ajudar podia dar alguma motivação às pessoas. O desafio foi lançado ao Santander e uniu-se os esforços para ajudar o IPO.”
O ‘Correr Lisboa’ já tem em vista novos desafios para causas igualmente nobres.

 

Deixar Resposta