Corrida Pedro e Inês/Triunfos de Fábio Abrantes e Ana Petinga

1
276

(Foto de arquivo)

Foi em Coimbra que D. Pedro e Inês de Castro protagonizaram o amor mais proibido e trágico da nossa história. Tal amor já deu direito a filmes, livros, pinturas e desde há 2013, a uma Corrida nas ruas da cidade.

Com partida e meta instaladas na Ponte de Santa Clara, os dez quilómetros do percurso atravessaram alguns dos locais mais sugestivos de Coimbra. Curiosamente, este ano, a prova disputou-se no Dia Europeu sem Carros.

Fábio Abrantes (Indiv.) repetiu o triunfo obtido na edição transata ao cortar a meta isolado em 32m01s. Seguiram-se-lhe Ricardo Gaspar (Esc. Atletismo Coimbra) a 24 segundos e Hugo Ramalho (RD Águeda) a 1m32s.

Em femininos, Ana Petinga (RD Águeda) venceu facilmente em 39m55s, deixando Ana Fernandes (Blue Pharma) a distantes 4m59s e Manuela Gonçalves (Indiv.) a 6m58s. Rui Lopes foi o último com 1h11m34s.

Classificaram-se 216 atletas, sendo 40 do sexo feminino (18,5%). Foi o segundo número mais baixo das sete edições, bem longe dos 313 do ano passado e dos 501 da primeira edição.

VII CORRIDA PEDRO E INÊS/COIMBRA (22/09)

Masculinos

1º Fábio Abrantes (Indiv.) 32.01; 2º Ricardo Gaspar (Esc. Atletismo Coimbra) 33.25; 3º Hugo Ramalho (RD Águeda) 33.33; 4º Rui Lopes (Indiv.) 33.34; 5º Gil Ferreira (CD S. Salvador do Campo) 33.40; 6º Igor Castro (Esc. Atletismo Coimbra) 33.51; 7º Nuno Silva (CA Lamas) 34.34; 8º Adérito Fontes (Esc. Atletismo Coimbra) 35.03; 9º Hugo Coelho (C. Veteranos Coimbra) 35.38; 10º João Silva (ACDRS Quinhendros) 35.11

Femininos

1ª Ana Petinga (RD Águeda) 39.55; 2ª Ana Fernandes (Blue Pharma) 44.54; 3ª Manuela Gonçalves (Indiv.) 46.53; 4ª Catarina Alves (Coimbra Trail Running) 47.00; 5ª Ana Almeida (Indiv.) 48.23; 6ª Kemilly Mello (Indiv.) 49.19; 7ª Maria João Benquerença (Indiv.) 49.48; 8ª Daniela Guerra (Team Korpo Activo) 52.33; 9ª Marisa Carvalho (Indiv.) 53.19; 10ª Antónia Abrantes (Indiv.) 54.50

Resultados completos em: http://xistarca.pt/resultados/corrida-pedro-e-ines

1 Comentário

  1. Como participante (dos 5k), a organização deixou a desejar no corte do tráfego. Não houve acidentes porque…

Deixar Resposta