Domínio absoluto do Sporting no Grande Prémio do Natal

0
2260

O Sporting meteu sete atletas nos dez primeiros contra apenas dois do seu eterno rival

Afinal, mal se viu o embate entre os dois colossos do atletismo nacional. O Sporting CP dominou em absoluto esta 60ª edição do Grande Prémio do Natal, mais parecendo uma corrida do clube. Em masculinos, para além dos dois lugares cimeiros, encontramos mais cinco atletas seus nos dez primeiros lugares. Em femininos, venceu outra atleta leonina, Sara Moreira.

Triunfos de Hélder Santos e Sara Moreira

GP Natal2017-Corrida2

Dada a partida, rapidamente se formou um grupo de 11 atletas na dianteira. Bruno Paixão, recente campeão nacional da maratona, foi o primeiro a descolar. Já no Marquês de Pombal, três atletas destacaram-se do grupo então com sete unidades com Hélder Santos a impor-se nas últimas centenas de metros em 29.01 (recorde pessoal na distãncia), seguido de Tiago Costa a quatro segundos e Miguel Ribeiro (Olímpico Vianense) que obteve um honroso terceiro lugar a sete segundos. Eduardo Mbengani foi o primeiro benfiquista ao chegar em quarto a 20 segundos do vencedor.

Em femininos, Sara Moreira não deu hipóteses, andando sempre à frente das suas mais direta adversárias. Terminou em 32.31, juntamente com o benfiquista Hermano Ferreira, a recuperar d alguns problemas das últimas semanas. Boa prova de Filomena Costa (ACD Jardim da Serra) ao ser segunda a 36 segundos com Ercília Machado (Indiv.) a fechar o pódio a já 1m18s. Silvana Dias foi a primeira benfiquista ao ser 5ª a 1m55s. Maria Louro foi a última com 1.50.53.

Foram distribuídos 6.100 euros em prémios monetários com os vencedores a receberem cada um, 500 euros. Os vencedores da prova de 5 km da Marcha receberam 70 euros cada.

Pedro Isidro e Kristina Saltanovic vencem na Marcha

Na prova principal da Marcha que teve a distância de 5 km com escassos 21 participantes, venceram Pedro Isidro (Indiv.) em 21.21 e Kristina Saltonic (Juventude Vidigalense) em 23.36.

Menos participantes

A prova principal teve este ano menos participantes que o ano passado. Agora, classificaram-se 4.356 pessoas contra os 4.701 do ano passado. Ainda assim, foi o segundo melhor registro de sempre. É inegável que a prova deu um grande salto quantitativo desde que Carlos Móia pegou na sua organização.

Dos 4.356 agora classificados, tivemos 1.135 do sexo feminino (26%). A estes números, há a acrescentar os que participaram nas provas para os mais jovens, na caminhada e nas provas de Marcha. Tudo somado, fica bem longe dos 7.500 participantes anunciados pela Organização e pela reportagem da TVI 24 que deu a prova em direto.

Historial do Grande Prémio

Esta é uma das provas mais antigas do calendário nacional. A primeira edição disputou-se no longínquo ano de 1946, logo a seguir à 2ª Guerra Mundial (1939/1945). Venceu então o sportinguista Filipe Luís que repetiu o triunfo no ano seguinte.

As senhoras só participaram pela primeira vez na prova em 1977, já depois do 25 de Abril em 1974. Venceu então Teresa Gomes, em representação do Ases da Avenida.

Na extensa lista dos vencedores, encontramos gente ilustre com muitas medalhas conquistadas nas grandes competições internacionais. Nomes como Carlos Lopes, Fernando Couto, Hélio Gomes, Rui Silva, José Ramos, Luís Jesus, António Leitão, João Campos, Carlos Capítulo, Aniceto Simões, Fernando Mamede, Anacleto Pinto, Manuel Oliveira e Manuel Faria, alguns deles já falecidos. Carlos Lopes comanda a lista com seis triunfos, cinco deles consecutivos.

Em femininos, já venceram a prova, Marisa Barros, Aurora Cunha, Rita Borralho, Carla Sacramento, Ana Dias, Inês Monteiro, Sara Moreira, Dulce Félix, etc. Merece destaque Marisa Barros com 4 triunfos, todos seguidos, e Rita Borralho com 3. Gente ilustre, com muitas medalhas conquistadas nas grandes competições internacionais.

CARLOS MOIA

“Esta é uma das provas mais antigas que chegou a ser proibida durante a ditadura por causa dos ‘ajuntamentos’. Começou por ser só para federados e sempre foi uma prova muito importante. A Associação de Atletismo de Lisboa deixou-a cair e nós pegámos nela”.

HÉLDER SANTOS

“Hoje, estou feliz. Venho de uma fase complicada pois fraturei um pé há meia dúzia de meses. Não estava à espera de vencer, agradeço ao meu treinador e ao meu staff todo o apoio que me têm dado”

SARA RIBEIRO

“O objetivo não era o recorde mas sentir-me bem. Estou feliz, senti-me muito bem. Esta é uma prova mítica para a qual a Organização me convidou, o que agradeço”

SANDRA SILVA/GRCD LEIÃO

GP Natal2017-Sandra SilvaTem 43 anos e é rececionista. Corre há seis anos e estreou-se na Mini Maratona da Ponte 25 de Abril. Treina 2/3 vezes por semana e ainda vai ao ginásio. Veio para as corridas por sua iniciativa e nunca desistiu numa prova. Quando corre, valoriza o seu bem-estar e ainda o percurso. Veio ao Grande Prémio pela primeira vez, tendo terminado em 3631º lugar com o tempo oficial de 64m15s.

JOSÉ SOUSA/AA LEBRES DO SADO

GP Natal2017-José SousaTem 45 anos e é empregado de armazém. Corre há 17 anos e estreou-se na Mini Maratona da Ponte 25 de Abril. Não costuma treinar, só vai às provas. Veio para as corridas por influência do seu padrinho de casamento e nas provas, aprecia o convívio, dando ainda importância ao percurso. Já desistiu e costuma vir a esta prova. Foi o 2004º da geral com 51m40s.

 

TERESA NICOLAU/INDIVIDUAL

GP Natal2017-Teresa NicolauTem 55 anos e é engenheira civil. Corre há um ano e estreou-se numa Mini Maratona disputada no Funchal. Treina 2/3 vezes por semana e veio para o atletismo por sua iniciativa. Nas corridas, valoriza mais o convívio e o percurso. Nunca desistiu e correu aqui pela 1ª vez. Foi a 3656ª classificada e 721ª feminina com 64m35s.

 

NUNO SILVA/NAVIGATOR CLUBE DE SETÚBAL

GP Natal2017-Nuno SilvaTem 42 anos e é operador de processo. Corre há dez anos e estreou-se na Mini Maratona da Ponte 25 de Abril. Treina três vezes por semana e alguém o trouxe para as corridas. Numa prova, aprecia o convívio, o prazer em correr, o melhoramento dos seus tempos pessoais e ainda o percurso. Nunca desistiu e veio aqui pela primeira vez. Classificou a organização como excelente, tendo sido o 544º classificado com 41m43s.

RESULTADOS 60º GRANDE PRÉMIO DO NATAL/LISBOA (10/12)

Masculinos

1º Hélder Santos (Sporting CP) 29.01; 2º Tiago Costa (Sporting CP) 29.05; 3º Miguel Ribeiro (Olímpico Vianense) 29.08; 4º Eduardo Mbengani (SL Benfica) 29.21; 5º João Pereira (SL Benfica) 29.24; 6º Andrelino Furtado (Sporting CP) 29.26; 7º Rui Teixeira (Sporting CP) 29.28; 8º Hugo Correia (Sporting CP) 29.44; 9º Fernando Serrão (Sporting CP) 29.46; 10º Paulo Pinheiro (Sporting CP) 29.52

Femininos

1ª Sara Moreira (Sporting CP) 32.31; 2ª Filomena Costa (ACD Jardim da Serra) 33.07; 3ª Ercília Machado (Indiv.) 33.39; 4ª Doroteia Peixoto (Amigos da Montanha) 34.26; 5ª Silvana Dias (SL Benfica) 34.26; 6ª Emília Pisoeiro (Indiv.) 34.40; 7ª Sandra Teixeira (Sporting CP) 34.43; 8ª Cláudia Pereira (GFD Running) 35.26; 9ª Vanessa Fernandes (SL Benfica) 35.41; 10ª Melanie Santos (SL Benfica) 35.46

PROVA ABERTA 4 KM (9 classif.)

1ºs Diogo Banha (Maratona CP) e13.02 e Rita Bacelar (Clube Natação Amadora) 15.03

MARCHA 5 KM (21 classif.)

Masculinos

1º Pedro Isidro (Indiv.) 21.21; 2º Paulo Martins (Indiv.) 22.00; 3º Sidney Santos (Indiv.) 23.22; 4º Luís Silva (Leiria Marcha AC) 23.21; 5º André Antunes (C. Benf. Faro) 24.49

Femininos

1ª Kristina Saltanovic (Juv. Vidigalense) 23.36; 2ª Felicidade Rosa (Centro A. do Galinheiras) 26.58; 3º Andreia Reis (JOMA) 29.27

Deixar Resposta