EDV- Viana Trail/Uma referência nacional no mundo do trail

0
1374

A Escola Desportiva de Viana existe desde 1976 e a EDV- Viana Trail desde 2013, com 101 praticantes só no Trail. Rui Silva é o presidente deste clube que é já uma referência a nível nacional, com inúmeros títulos individuais e coletivos.

Tudo começou com a Escola Desportiva de Viana (EDV), fundada em 12 de Maio de 1976, com o objetivo da promoção cultural, desportiva e recreativa dos seus associados e de todas as crianças residentes no concelho de Viana do Castelo.

Mais tarde, em 2012, apareceu a Viana Trail que se manteve até à sua associação com a EDV em finais de 2013. Partindo da iniciativa de quatro amantes da modalidade, o grupo foi crescendo ao longo do tempo e é hoje, uma referência no mundo do Trail a nível nacional.

EDV-2Segundo José Carlos Alcobia, responsável pela Secção de Trail, “A evolução da EDV-Viana Trail em termos competitivos, é fruto da persistência, do esforço conjunto dos seus cofundadores e das relações de amizade e companheirismo que se foram enraizando ao longo do tempo. Prova disso, são os inúmeros títulos nacionais, tanto individuais como coletivos, arrecadados nos últimos anos”.

No site do clube, podemos encontrar os títulos coletivos conquistados:

3 Campeonatos Nacionais de Trail Ultra Endurance/5 Campeonatos Nacionais de Trail Ultra/1 Campeonato Nacional de Trail/4 Taças de Portugal de Trail Ultra e Trail Ultra Endurance/2 Troféus Nacional de Clubes da Federação Campismo e Montanhismo de Portugal.

“Os laços que vamos criando ao longo do tempo, tem permitido construir uma nova família”

Mais de cem praticantes no Trail

Rui Silva é o presidente da EDV-Viana Trail que tem dezenas de secções em funcionamento, totalizando mais de mil sócios que pagam uma quota anual de 25 euros. Só a Secção de Trail tem 101 praticantes nos dois sexos, desde campeões nacionais a simples apaixonados pela modalidade. Todos com a mesma paixão pelo SkyRunning e Trail Running. “O que nos une é uma paixão, uma simbiose homem-natureza (indescritível por palavras). Os laços que vamos criando ao longo do tempo, tem permitido construir uma nova família”.

EDV- VIANA TRAIL

EDV-logotipoConcelho: Viana do Castelo

Ano fundação: 2013

Presidente: Rui Silva

Sócios: 1.000

Atletas: 101

Dedicação quase exclusiva ao Trail

Os atletas participam quase exclusivamente em provas de Trail e Sky Running, raramente visitando as provas de estrada.

EDV-grupo treinoO clube mostra-se muito satisfeito com os resultados obtidos. “. Os nossos atletas são únicos e têm como referência, o Ricardo Silva, que é sem dúvida, um dos melhores atletas de Trail Runnning de Portugal”.

O clube não tem treinadores. Segundo Alcobia, cada atleta tem o seu próprio treinador, havendo ainda muitos que optaram por não o ter.

“O que nos une é uma paixão, uma simbiose homem-natureza (indescritível por palavras)”

Processo de renovação em curso

Para Alcobia, a equipa está este ano num processo de renovação. Os objetivos desta época passam pela renovação do Troféu Nacional de Clubes da FCPM e por tentar a melhor classificação possível nos Campeonatos Nacionais da ATRP.

Imaginação à procura de um orçamento equilibrado

EDV-treinoO orçamento atinge largas dezenas de milhares de euros. O clube tem alguns apoios, ainda que reduzidos da autarquia. Conta ainda com alguns apoios de empresas amigas. Mas os apoios recebidos são insuficientes para a sobrevivência da Secção. “Temos que recorrer sempre à nossa imaginação para colmatar essas deficiências”. Uma das formas para obter mais receitas passa pela organização de eventos na área do Trail. O clube organiza o Ultra Trail da Cerveira, que já vai a caminho da sexta edição e tem contado sempre com cerca de 800 participantes.

Os apoios aos atletas estão definidos num regulamento interno e boa parte deles passa pelas inscrições, transportes e equipamentos.

Amadorismo no mundo do Trail

Para Alcobia, as principais dificuldades encontradas pelo clube para a prática da modalidade passam pelo “amadorismo existente nesta área e as politicas definidas pelos órgãos que regem as modalidades, ATRP e FPCM”.

 

Deixar Resposta