Equipa nacional de 4×100 m foi 2ª no Meeting de Londres (atualizado)

0
2478

Uma equipa nacional de 4×100 m, composta pelos benfiquistas Diogo Antunes, David Lima, Ricardo Pereira e Yazaldes Nascimento, foi segunda numa prova que abriu o Meeting de Londres, com 39,29, melhor marca nacional do ano e a 17ª de sempre. Foi a segunda a nível de clubes, depois dos 39,18 (recorde nacional) e 39,22 de duas equipas do Sporting.

A prova foi ganha pela Austrália, com 39,08, e a Inglaterra completou o pódio, com 39,35.

Entretanto, no meeting da Liga de Diamante foram obtidas duas melhores marcas mundiais do ano, através de Allison Felix, com 49,65 aos 400 m, e Nigel Amos, com 1.43,18 nos 800 m. A russa Mariya Lasitkene, que havia passado 2,06 em Lausana, dois dias antes, ganhou a altura com 2,00, falhando depois um ensaio a 2,03 e dois a 2,08. E no dardo, registou-se uma desforra da checa Barborá Spotaková (68,26 no último ensaio) sobre a croata Sara Kolac (67,83 no 3º), a qual lhe havia ganho em Lausana, com 68,43 a fechar o concurso. Houve três atletas abaixo dos 11 segundos nos 100 m, com triunfo da jamaicana Elaine Thompson (10,94) sobre a holandesa Dafne Schippers (10,97) e a nigeriana Blessing Okagbare (10,99). E, a fechar a sessão, Mo Farah ganhou os 3000 m em 7.35,15, à frente do espanhol Adel Mechaal (7.36,32).

Deixar Resposta