Faleceu o antigo atleta Carlos Medeiros

0
2525

Faleceu este sábado, nos Açores, vítima de doença prolongada, o antigo atleta internacional Carlos Medeiros, que foi recordista nacional do salto em comprimento. Natural de Ponta Delgada, contava 58 anos de idade.

Carlos Medeiros iniciou e finalizou a carreira no União Micaelense, chagando a campeão nacional aos 20 anos e com apenas dois meses de prática! Praticou depois várias modalidades, incluindo futebol, como avançado-centro, chegando a subir à III Divisão nacional. E só em 1985 se começou depois a destacar no atletismo, chegando a fazer história, ao bater o muito antigo (23 anos!) recorde nacional de Pedro de Almeida, com 7,62 em 1962. Conseguiu então 7,66, marca que melhorou no ano seguinte para 7,71, já com a camisola do Benfica, clube que representou ao longo de três épocas. Foi também recordista nacional de pista coberta, com 7,33 e 7,35 em 1986, e quatro vezes campeão nacional de ar livre (1979, 1985 e 1986) e pista coberta (1987). Estreou-se pela seleção nacional na Taça da Europa de 1985 (ganhando o grupo C) e esteve, em 1986, no Europeu de pista coberta (16º), no Westahletic (5º) e no Campeonato Ibero-Americano (7º).

Algo inconstante, Carlos Medeiros ficou bem aquém daquilo que chegou a prometer. Não competiu em 1988 e regressou aos Açores na época seguinte, alternando depois épocas como individual e com a camisola do CA Lagoa e do CU Micaelense.

Terminada a carreira, treinou vários atletas açorianos, nomeadamente a lançadora de dardo Marisela Silva, que é ainda a segunda portuguesa de sempre, com 52,96. Carlos Medeiros chegou a lançar o dardo a 56,12.

À família enlutada, a Revista Atletismo apresenta sentidas condolências.

 

Deixar Resposta