Hélio Gomes: bem-vindo à alta competição!

0
700

Hélio Gomes errou em 2017 e foi apanhado nas malhas do doping. Foi suspenso por dois anos, prazo que terminou no dia 11 deste mês. Atravessou uma longa travessia no deserto e regressou agora à alta competição. Foi na passada quarta-feira no meeting de Barcelona, numa prova de 5.000 metros.

Hélio Gomes foi quinto com uns surpreendentes 13.41,01, melhor marca nacional da época e recorde pessoal pois a sua anterior marca, 13.35,00 foi anulada na sequência do castigo aplicado.

Nascido em Dezembro de 1984, Hélio Gomes renasce assim para o atletismo aos 34 anos. Dificilmente conseguirá os mínimos para o Mundial de Doha (13.22,50), num prazo que termina em 6 de Setembro. Mas o seu regresso merece ser saudado. Ainda vai a tempo de conseguir resultados de relevo. Como disse António Gedeão, o sonho comanda a vida. Hélio Gomes ainda vai a tempo de realizar alguns dos seus sonhos. Afinal, na vida, quem nunca errou?

Deixar Resposta