Marco Teixeira e Alexandra Sousa vencem Grande Prémio na Costa da Caparica

0
2379

(Fotos de Paulo Alfar)

Uma manhã fria e ventosa aguardou os mais de 1.500 desportistas que participaram no 19º Grande Prémio do Atlântico que estreou um novo percurso com a partida e meta instaladas junto à nova sede do Núcleo Sportinguista da Costa da Caparica.

Os dez mil metros do percurso tiveram em Marco Teixeira (UF Comércio e Indústria/Atletismo) um vencedor destacado com o registro de 32m15s. Seguiram-se-lhe João Mota (Clube Praças da Armada) a 1m31s e Vítor Oliveira (Assoc. Vale Grande) a 1m50s.

Em femininos, Alexandra Sousa (JOMA) foi a primeira a cruzar a linha de meta em 38m48s, com Kcénia Bougrova a 53 segundos e Telma Silva (CCD Leões da Floresta/UBI) a 1m49s. Rute Guimarães foi a última com 1h32m13s.

Por equipas, venceu o Valejas AC com 90 pontos, seguido do Clube Praças da Armada com 132 e do Clube Novo Banco com 151.

Quarto melhor registo de participantes

GP Atlântico2018-GrupoClassificaram-se 1.451 atletas, o 4º melhor registo de sempre. O recorde mantém-se em 1.813 desde 2015. De qualquer forma, foi uma boa recuperação face aos 908 do ano passado e aos 1.368 de 2016.

Realizou-se ainda uma Caminhada na distância de 4 km com um bom número de participantes.

A organização mereceu o agrado geral. O novo percurso foi bem aceite pelos habituais participantes, com alguns troços iguais aos anos anteriores mas com uma parte inicial com muito paralelepípedo. Não faltou o famoso paredão, feito agora em sentido contrário, e que tinha muita gente a passear, aproveitando o sol.

AURÉLIO CALADO/4 AO KM

GP Atlântico2018-Aurélio CaladoTem 68 anos e está reformado. Corre há 25 anos e estreou-se no Grande Prémio do BNU (12 km). Treina duas vezes por semana e ainda faz triatlo, logo também natação e ciclismo. Não corre com um plano de treinos e não pensa correr uma maratona. Gostou da organização e classificou-se em 928º lugar com 57m29s.

 

NOÉMIA SEQUEIRA/SS CGD

GP Atlântico2018-Noémia SequeiraTem 49 anos e é bancária. Corre há três anos e estreou-se na Corrida Juntos Contra a Fome, em Cascais. Treina 2/3 vezes por semana e ainda pratica natação. Não treina com um plano de treinos e não pensa correr uma maratona para já. Gostou da organização, tendo sido a 322ª da geral e 1ª do seu escalão com 47m18s.

 

ANTÓNIO PINHO/AA LEBRES DO SADO

GP Atlântico2018-António PinhoTem 65 anos e é comercial. Corre há 15 anos e estreou-se no Grande Prémio da Casa Senna (15 km). Treina três vezes por semana e ainda faz ginástica. Não treina com um plano de treinos e não pensa fazer agora uma maratona. Classificou a organização como razoável e foi o 1152º da geral com 1h01m53s.

 

RESULTADOS 19º GRANDE PRÉMIO DO ATLÂNTICO/COSTA DA CAPARICA (25/02)

Masculinos

GP Atlântico-pódio masc1º Marco Teixeira (UFCI Atletismo) 32.15; 2º João Mota (C. Praças Armada) 33.46, 3º Vítor Oliveira (Assoc. Vale Grande) 34.05; 4º Hugo Augusto (Belém Runners) 34.06; 5º Luís Fernandes (C. Praças Armada) 34.18; 6º Filipe Januário (C. Millennium BCP) 347.25; 7º Paulo Guimarães (Aminhacorrida/Myprotein) 34.42; 8º Luís Baço (Aminhacorrida/Myprotein) 35.09; 9º Pedro Lomba (C. Praças Armada) 35.30; 10º André Januário (C. Millenium BCP) 35.36

Femininos

GP Atlântico-podio fem1ª Alexandra Sousa (JOMA) 38.48; 2ª Kcénia Bougrova (Sporting CP) 39.41; 3ª Telma Silva (CCD Leões da Floresta/UBI) 40.37; 4ª Inês Marques (99 Provas Gratuitas) 43.40; 5ª Sandra Lopes (Indiv.) 44.04; 6ª Ana Correia (Margil) 44.18; 7ª Selene Lima (Vitória FC) 44.35; 8ª Carla Carmona (GD O Independente) 44.43; 9ª Ana Lopes (Indiv.) 45.22; 10ª Márcia Santos (AA Pinhalnovense) 45.35

Equipas

1ª Valejas AC (90); 2ª Clube Praças da Armada (132); 3ª Clube Novo Banco (151); 4ª Clube Millennium BCP (232); 5ª Correr Lisboa (240)

Deixar Resposta