Mundial de Londres mostra crise de valores nos velocistas jamaicanos

0
2222

EUA também mais fracos na velocidade

Já foi analisada noutro artigo a menor valia dos tempos nas provas de 100 e 200 metros, indiciadora de uma crise de valores e porque não também dizê-lo, de um mais apertado controlo antidoping pelas instâncias internacionais.

Um dos aspetos que este Mundial nos chamou a atenção foi a fraca equipa apresentada pela Jamaica nas provas de velocidade, dos 100 aos 400 metros. Apenas uma medalha de bronze conquistada nestas três distâncias e por… Bolt nos 100 m! E apenas oito finalistas, quatro de cada sexo com os 200 metros sem um/a único/a representante do país caribenho!

Fomos comparar os resultados dos Mundiais desde o início desta década, em Daegu, Moscovo, Pequim e agora Londres.

Assim, considerando o número de finalistas, observamos que a Jamaica teve um máximo de 14 em 2011 e 2015 para agora apenas 8. Números bem distantes de um passado recente.

E como foi a participação norte-americana, grande rival dos jamaicanos nos últimos anos? A crise não é tão evidente como a dos seus rivais mas existe. Os EUA tiveram um máximo de 14 finalistas em Moscovo que passaram para 11 em Pequim e agora apenas 9. Salvou-os as três medalhas de ouro e a de prata agora conquistadas.

Classificações na Final
Ano Local Distância Jamaica EUA
2011 Daegu 100 m masc. 1º/7º/8º *
100 m fem. 2º/4º/6º 1º/8º
200 m masc. 1º/5º
200 m fem. 1º/5º/8º 2º/3º/4º
400 m masc.
400 m fem. 5º/7º 2º/3º/6º
Nº presenças 14 11
2013 Moscovo 100 m masc. 1º/3º/4º5º 2º/6º
100 m fem. 1º/5º 3º/4º/7º/8º
200 m masc. 1º/2º/4º
200 m fem. 5º/6º/8º **
400 m masc. 2º/6º
400 m fem. 3º/7º 4º/5º
Nº presenças 13 14
2015 Pequim 100 m masc. 1º/7º 2º/3º5º/6º
100 m fem. 1º/4º/7º
200 m masc. 1º/8º
200 m fem. 2º/3º/8º 4º/6º
400 m masc.
400 m fem. 3º/4º/5º/6º 1º/7º
Nº presenças 14 11
2017 Londres 100 m masc. 3º/4º 1º/2º
100 m fem.
200 m masc. 5º/8º
200 m fem. 5º/6º
400 m masc. 5º/6º
400 m fem. 5º/6º/8º
Nº presenças 8 9

* Usain Bolt foi desclassificado por falsa partida. Considerámos o 8º lugar

** Allyson Felix partiu mas desistiu por lesão. Considerámos o 8º lugar.

Menos medalhas

Se analisarmos o quadro das medalhas, a colheita jamaicana foi agora, também muito pobre face ao seu historial recente.

Moscovo 2013 com oito medalhas contrasta com a única medalha agora conquistada. Já os americanos igualaram o seu pior pecúlio em Moscovo com quatro medalhas. Mas ambos os países falharam estrondosamente nos 200 m ao não conseguirem qualquer medalha nos dois sexos.

Quadro de Medalhas

Ano Local Distância Jamaica EUA
2011 Daegu 100 m masc. 1 1
100 m fem. 1 1
200 m masc. 1 1
200 m fem. 1 2
400 m masc. 0 1
400 m fem. 0 2
Total 4 8
2013 Moscovo 100 m masc. 2 1
100 m fem. 1 1
200 m masc. 2 1
200 m fem. 1 0
400 m masc. 1 1
400 m fem. 1 0
Total 8 4
2015 Pequim 100 m masc. 1 2
100 m fem. 1 1
200 m masc. 1 1
200 m fem. 2 0
400 m masc. 0 1
400 m fem. 1 1
Total 6 6
2017 Londres 100 m masc. 1 2
100 m fem. 0 1
200 m masc. 0 0
200 m fem. 0 0
400 m masc. 0 0
400 m fem. 0 1
Total 1 4

 

 

 

 

Deixar Resposta