Patrícia Mamona 7ª em Oslo

0
1046

Patrícia Mamona foi 7ª com 14,09 no Meeting de Oslo, da Liga de Diamante, realizado esta quinta-feira. A atleta do Sporting passou duas vezes os 14 metros (14,09 ao 5º ensaio, com vento +1,3 m/s, e 14,02 ao 6º), mas ficou aquém dos 14,26 conseguidos há duas semanas na Taça dos Clubes Campeões Europeus e dos 14,44 deste inverno, em pista coberta. A prova foi ganha pela colombiana Caterine Ibarguen, que no penúltimo ensaio conseguiu a melhor marca mundial do ano (14,79), ultrapassando a norte-americana Keturah Orji, que obteve 14,53.

Foram conseguidas sete melhores marcas mundiais do ano, mas o resultado-sensação do meeting foi o do norueguês Karsten Warholm, que obteve 47,33 nos 400 m barreiras, novo recorde da Europa, menos quatro centésimos que a marca anterior do francês Stéphane Diagana em 1995. Sem Abderrahman Samba, atleta do Qatar que detém a melhor mara mundial do ano (47,27), o norueguês ganhou com quase dois segundos de vantagem sobre o irlandês Thomas Barr (49,11).

Muito disputados os 3000 m, com vitória do etíope Selemon Barega (7.31,17 – melhor marca mundial do ano) sobre o ugandês Joshua Cheptegei (7.33,26) e o queniano Nicholas Kimeli (7.34,85), estes dois com recordes pessoais. O quarto foi Henrik Ingebrigtsen, que bateu o recorde da Noruega, com 7.36,85.

A russa Mariya Lasitskene continua a dominar o salto em altura e, desta feita, conseguiu mesmo 2,01, a melhor marca mundial do ano, falhando depois os 2,03.

Excelente o norte-americano Christian Coleman, folgado vencedor dos 100 m em 9,85 (melhor marca mundial do ano), à frente do chinês Zhenye Xie (10,01). Outra melhor marca do ano foi conseguida pela queniana Norah Jeruto nos 3000 m obstáculos (9.03,71).

O programa fechou com a “Dream Mile”, ganha por Marcin Lewandowski, o atleta polaco que reforçou o Benfica na última Taça dos Clubes Campeões Europeus e que fez agora 3.52,34, melhor marca mundial do ano e recorde nacional. Derrotou por quatro centésimos o queniano Vincent Kibet.

Eis os vencedores:

Masculinos:

100 m (v:+0,9) – Christian Coleman EUA 9,85

Milha – Marcin Lewandowski POL 3.52,34

3000 m – Selemon Barega ETI 7.32,17

400 bar. – Karsten Warholm NOR 47,33

Vara – Sam Kendricks EUA 5,91

Dardo – Johannes Vetter ALE 85,27

Femininos:

200 m (v:-0,7) – Dafne Schippers HOL 22,56

3000 obst. – Norah Jeruto QUE 9.03,71

100 bar. (v:+1,1) – Christina Clemons EUA 12,69

400 bar. – Sydney McLaughlin EUA 54,16

Altura – Mariya Lasitskene RUS 2,01

Triplo – Caterine Ibarguen COL 14,79 (v:-0,2)

Peso – Lijiao Gong CHN 19,51

Deixar Resposta