Patrícia Mamona e Nelson Évora na luta pelas medalhas no Europeu

0
3048

Patrícia Mamona e Nelson Évora são as grandes esperanças portuguesas para a conquista de medalhas no Campeonato da Europa de pista coberta, que se realizará entre sexta-feira e domingo, em Belgrado. Nas últimas 11 edições (desde 1994), Portugal nunca deixou de ter atletas no pódio e apenas em 2000, não teve um vencedor. É muito natural que o salutar hábito de subir ao pódio se mantenha, tanto mais que a ausência dos atletas russos torna as medalhas, em algumas provas, mais acessíveis.

A principal candidata nacional é Patrícia Mamona, atual campeã da Europa de triplo ao ar livre e que possui a terceira marca europeia da época (14,13M) e a quarta de sempre (14,36). A romena Elena Panjuroiu fez 14,36 (recorde pessoal) e 14,13 em fevereiro. E a grega Paraskevi Papahristou chegou a 14,19 e 14,07. Marcas perfeitamente ao alcance de Patrícia Mamona, atleta muito competitiva, que tem o (bom) hábito de atingir o seu melhor nas grandes competições. Há ainda outras atletas a valer acima de 14 metros, pelo que o despique promete ser equilibrado. Há dois anos, triunfou a russa Anzhelika Sidorova, com 14,69 e foram necessários 14,49 para chegar ao pódio. Mas nenhuma das três estará agora em prova e se Patrícia Mamona repetir os 14,32 de então (a sua segunda marca de sempre em pista coberta) estará certamente na luta pelo título. Já Susana Costa, cujos 13,94 desta época a colocam como 10ª entre as inscritas, poderá aspirar a um lugar próximo do pódio.

Nelson Évora, campeão europeu em Praga’2015 (com 17,21), é outro candidato, mas terá certamente que ultrapassar os 17 metros, numa final que se prevê discutida ao centímetro. Apenas dois atletas ultrapassaram este ano os 17 metros na Europa – os franceses Jean Marc Pontvianne (17,13) e Melvin Raffin (17,04). Mas deverá haver mais no Europeu. Nelson Évora, que se costuma ultrapassar nas grandes competições, terá que ser um deles…

Mas difícil parece ser a tarefa de Tsanko Arnaudov no peso, embora ele já tenha surpreendido no Europeu de ar livre do ano passado, ao ser terceiro. Tem a 9ª marca do ano entre os inscritos (20,53m), mas há três atletas com mais de 21 metros… Já Marcos Chuva parece ter uma via mais aberta para um eventual lugar no pódio já que, embora com a nona marca do ano entre os inscritos (7,91m), está relativamente perto dos primeiros. Há apenas dois atletas acima dos 8 metros (os italianos Lamont Jacobs, 8,07, e Fillipo Randazzo, 8,05). Resta saber como recuperou o atleta da lesão muscular do Nacional da I Divisão, há duas semanas.

Já os restantes portugueses, terão como objetivo, melhorar as suas marcas e atingir as meias-finais (os corredores de 60 m) e as finais (os restantes). Curiosidade especial à volta da prova de Lecabela Quaresma no pentatlo, depois da sua excelente presença (vitória e folgado recorde pessoal) no Campeonato de França, há duas semanas.

AS 20 MEDALHAS PORTUGUESAS EM EUROPEUS DE PISTA COBERTA

Ouro (11) Fernanda Ribeiro 3000 m Paris 1994
Carla Sacramento 1500 m Estocolmo 1996
Fernanda Ribeiro 3000 m Estocolmo 1996
Rui Silva 1500 m Valência 1998
Rui Silva 1500 m Viena 2002
Naide Gomes comp. Madrid 2005
Naide Gomes comp. Birmingham 2007
Rui Silva 1500 m Turim 2009
Francis Obikwelu 60 m Paris 2011
Sara Moreira 3000 m Gotemburgo 2013
Nelson Évora triplo Praga 2015
Prata (7) Carlos Calado comp. Valência 1998
Fernanda Ribeiro 3000 m Valência 1998
Rui Silva 3000 m Gent 2000
Carla Sacramento 1500 m Viena 2002
Naide Gomes pentatlo Viena 2002
Sara Moreira 3000 m Turim 2009
Naide Gomes comp. Paris 2011
Bronze (2) João Campos 3000 m Madrid 1986
Carla Sacramento 800 m Paris 1994

DIAS E HORAS DOS PORTUGUESES

PROVA ATLETA ELIM/QUAL. 1/2 F. FINAL
60 m Ancuiam Lopes 4 (09.20h) 4 (17.35h) 4 (19.57h)
1500 m Emanuel Rolim 3 (18.15h) 4 (19.18h)
Comp. Marcos Chuva 3 (08.40h) 4 (18.32h)
Triplo Nelson Évora 3 (17.20 h) 5 (15.04h)
Peso Tsanko Arnaudov 4 (10.00h) 4 (18.20h)
Francisco Belo 4 (10.00h) 4 (18.20h)
60 m Lorène Bazolo 4 (08.45h) 5 (15.00h) 5 (17.10h)
Triplo Patrícia Mamona 3 (11.00h) 4 (16.50h)
Susana Costa 3 (11.00h) 4 (16.50h)
Pentatlo Lecabela Quaresma i-3 (08.30h) f-3 (17.55h)

 

As provas serão transmitidas em direto pela RTP2 e pela Eurosport.

Deixar Resposta