Portugal já tem 31 atletas com mínimos para o Europeu de Berlim’2018

0
3194

São já 31 os atletas portugueses com mínimos para o Campeonato da Europa de Berlim’2018 (15 masculinos e 16 femininos), com base nas marcas agora divulgadas pela Associação Europeia, que fixou como prazo para obtenção das marcas o período que vai de 1 de janeiro de 2017 a 30 de julho de 2018. No entanto, à semelhança do que é habitual, é provável que a Federação Portuguesa restrinja esse prazo para obtenção dos mínimos por parte dos atletas nacionais ao ano de 2018, sendo também possível que venha a dificultar alguns mínimos habitualmente mais acessíveis, como é o caso dos 10.000 m e das provas de marcha, nomeadamente a dos 50 km masculinos, que é de 4h 08m… tempo que fica aquém do recorde de Inês Henriques (4.05.56). A Associação Europeia não fixou mínimos nas estafetas (serão selecionados os 16 melhores países através da soma dos dois melhores tempos de cada seleção) e na maratona (será realizada em simultâneo a Taça da Europa, competição coletiva, podendo cada país apresentar até seis atletas). Em todas as restantes provas individuais, cada país pode apresentar um máximo de três atletas, mas os campeões em título (Europeu de 2016 para a generalidade das provas ou de 2014 para a marcha) são convidados a participar não contando para esse limite (podem ser os quartos atletas do país na prova).

A Associação Europeia admite, findo o prazo para obtenção de mínimos, vir a convidar atletas sem mínimo (os que mais se aproximarem) para preencherem as quotas previstas, mas que não são divulgadas. No caso das corridas de velocidade e barreiras, está previsto que os 12 atletas com melhores tempos em 2018 são automaticamente apurados para as meias-finais, juntando-se-lhes outros 12 atletas saídos da pré-eliminatória.

A tabela de mínimos pode ser vista em: http://www.european-athletics.org/mm/Document/EventsMeetings/General/01/28/33/25/EuropeanAthleticsChampionships2018-EntryStandards-updated_English.pdf

ATLETAS COM MÍNIMOS ALCANÇADOS EM 2017

MASCULINOS:
PROVA MÍNIMO ATLETA CL. 2017
100 m 10,35 David Lima SLB 10,05
Diogo Antunes SLB 10,27
200 m 20,90 David Lima SLB 20,30
400 m 46,70 Vítor Ricardo Santos SLB 46,43
1500 m 3.40,00 Emanuel Rolim SLB 3.37,16
10000 m 28.55,00 Samuel Barata SLB 28.40,19
3000 ob. 8.40,00 Luís Miguel Borges SLB 8.38,40
110 bar. 13,85 Rasul Dabo SCP 13,74
Vara 5,55 Diogo Ferreira SLB 5,71
Comp. 7,95 Marcos Chuva SLB 8,00
Triplo 16,60 Nelson Évora SCP 17,20
Peso 19,90 Tsanko Arnaudov SLB 21,56
Francisco Belo SLB 20,86
20 km M 1.25.00 João Vieira SCP 1.22.42
Miguel Carvalho SLB 1.23.31
50 km M 4.08.00 João Vieira SCP 3.45.22
Pedro Isidro SLB 3.56.38
FEMININOS:
PROVA MÍNIMO ATLETA CL. 2017
100 m 11,50 Lorène Bazolo SCP 11,37
200 m 23,50 Lorène Bazolo SCP 23,08
400 m 53,40 Cátia Azevedo SCP 51,90
1500 m 4.12,00 Marta Pen SLB 4.05,71
5000 m 15.40,00 Sara Moreira SCP 15.39,95
10000 m 33.20,00 Sara Moreira SCP 32.03.57
Salomé Rocha SCP 32.07,62
Catarina Ribeiro SCP 32.27,88
Inês Monteiro SCP 32.40,84
400 bar. 57,70 Vera Barbosa SCP 56,73
Triplo 13,90 Patrícia Mamona SCP 14,42
Susana Costa AFR 14,35
Disco 56,00 Irina Rodrigues SCP 62,63
Liliana Cá ADNL 56,52
Heptatlo 5900 Lecabela Quaresma JV 6174
20 km M 1.37.00 Ana Cabecinha COP 1.28.57
Inês Henriques CNRM 1.30.44
Mara Ribeiro SLB 1.35.45
50 km M 4.50.00 Inês Henriques CNRM 4.05.56

Também fez mínimo (aos 5000 m) mas encontra-se suspenso por análise antidoping positiva o atleta Hélio Gomes.

Dos 31 atletas com mínimos, 14 são do Benfica (12 masculinos), 12 do Sporting (9 femininos) e cinco de outros tantos clubes.

Conforme referimos em notícia anterior, a grande novidade deste campeonato é a introdução dos 50 km marcha femininos, prova para a qual a AEA estabeleceu como mínimo o tempo de 4h50m (ou 1h39m aos 20 km marcha), mas obriga à conclusão da prova no máximo em 5 horas, sob pena de as atletas ainda em prova nessa altura serem retiradas. Os 50 km marcha (masculinos e femininos) serão realizados em simultâneo e serão a primeira das 48 finais do Europeu, na manhã (8.35 h locais; 7.35 h portuguesas) do dia 7 de agosto. No 1º dia de provas (6 de agosto), apenas se realizarão eliminatórias e qualificações.

Este Campeonato da Europa, a realizar em Berlim entre 6 e 12 de agosto, integra-se numa série de campeonatos a realizar conjuntamente entre 2 e 12 de agosto: o de atletismo em Berlim; os de natação, remo, golfe, ciclismo, ginástica e triatlo em Glasgow.

Deixar Resposta