Provas combinadas mais pobres: Casal Eaton retira-se aos 28 anos das pistas

0
2436

Ashton Eaton e Brianne Theisen Eaton conquistaram ouro e bronze, respetivamente, nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Ele no decatlo e ela no heptatlo.

Ashton Eaton e Brianne Theisen-Eaton anunciaram nesta quarta-feira que vão abandonar as pistas. O americano,  bicampeão olímpico do decatlo e a canadiana, medalhada de bronze do heptatlo no Rio Janeiro, divulgaram a decisão conjunta em textos pessoais publicados lado a lado no site oficial do casal. Os dois têm 28 anos.

Apelidado de “Super-Homem”, Ashton encerra a sua carreira no auge. Dono de cinco recordes mundiais  (três indoor e dois outdoor), o americano realizou no início do ano passado, o sonho de competir na sua cidade natal , Portland, sendo campeão mundial indoor no heptatlo.

Brianne, também campeã mundial indoor no pentatlo na ocasião, não dominava as provas combinadas como o esposo. Sempre admitiu publicamente que estava longe de ser a melhor e tinha na britânica Jessica Ennis, campeã olímpica em 2012 e agora também retirada, a sua principal adversária. O ouro no Rio 2016, no entanto, foi para a belga Nafissatou Thiam.

Eaton e Brianne conheceram-se no estado do Oregon, nos Estados Unidos, ainda no Ensino Médio. Mas foi em São Paulo, durante a disputa do Pan-Americano júnior de atletismo, que os dois iniciaram o namoro. Na ocasião, a canadiana conquistou o ouro no evento combinado feminino, enquanto o americano competiu então apenas no salto em comprimento.

Curiosamente, a união dos dois funcionou como alavanca para o potencial de Ashton. Muito talentoso e com o porte físico ideal para cobrir dos saltos ao lançamento de peso, das provas de velocidade aos 1.500m, Eaton pecava na disciplina fora das pistas. E Brianne, consciente de que o resultado do seu esforço era fundamental para que o talento florescesse, colocou-o na linha e transformou-o no atleta mais completo do mundo.

Deixar Resposta