Provas virtuais em casa reúnem milhares de participantes em Espanha

0
175

Em Logroño e Lérida, duas provas virtuais corridas em casa, reuniram mais de 7 mil inscritos. Foram reunidos quase 40 mil euros para apoios na área da saúde.

Com as provas suspensas na esmagadora maioria dos países, surgem as inovações. Foi o que se passou em Espanha, com Logroño, cidade no norte do país com mais de 150 mil habitantes, a dar o exemplo.

A cidade celebrou este domingo a “Corrida pelos seus Heróis”, prova em que participaram nas suas casas quase 4.700 pessoas, que correram durante meia hora e conseguiram reunir cerca de 20 mil euros para apoiar os trabalhadores da área da saúde.

Os 4.647 inscritos pagaram três euros pela inscrição e correram nas suas varandas, terraços ou dentro de casa, com o dorsal 2020. Muitos outros deram o seu donativo, mesmo sem aderirem à corrida.

As autoridades desportivas da cidade deram através da sua web, exercícios de aquecimento antes da prova, um DJ animou a meia hora de corrida e no final da prova, foram explicados exercícios de estiramentos.

Os participantes vão receber um diploma no seu correio eletrónico e um troféu recortável, em reconhecimento pelo seu esforço e compromisso com a iniciativa.

Também em Lerida, na Catalunha, houve uma prova virtual, a Confinarun, que reuniu quase 2.500 corredores. Às 10 horas da manhã, foi dada a partida de uma corrida em que cada um correu na sua casa. Houve duas distâncias, uma milha ou 5 km.

A boa resposta dos inscritos superou todas as expetativas dos organizadores, já que o número de participantes foi muito superior à totalidade das corridas oficiais do calendário do concelho de Lerida.

Segundo os organizadores, a Confinarum recolheu 18.576 euros destinados ao Instituto de Pesquisa Biomédica de Lérida.

Deixar Resposta