Reintegração dos atletas russos provisoriamente congelada

0
147

A World Athletics cumpriu esta quinta-feira a ameaça feita à Federação Russa de Atletismo caso esta não pagasse cinco milhões de dólares (parte da multa de dez milhões, a que se soma outro mínimo de um milhão das custas do processo) até ao dia 1.

As autoridades russas tinham dito que não iam fazer o pagamento porque não dispunham da verba necessária. Diversos atletas russos haviam criticado fortemente a direção da sua federação e apelado a Vladimir Putin sobre a “situação catastrófica” da modalidade, apelando a que ele agisse de modo a não privá-los de competir nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Assim, a World Athletics comunicou ontem a suspensão dos atletas russos que poderiam competir sobre o estatuto de neutros, ficando para já, impossibilitados de competirem internacionalmente. O Conselho da World Athletics vai reunir dias 29 e 30 deste mês e decidir quais os passos a seguir neste processo.

 

Deixar Resposta