Rosa Mota viu adiada presença no trajeto japonês da Chama Olímpica

0
410

Rosa Mota tinha prevista a presença, em 25 de maio próximo, no trajeto da Chama Olímpica, no Japão. A campeã olímpica da maratona em Seoul’1988 estava escalada para transportar a chama olímpica perto de Kobe e de Osaka, onde se localiza a sede da Asics, empresa que sempre a patrocinou. O adiamento dos Jogos para 2021 levou ao cancelamento do trajeto da chama, o qual se deverá manter no próximo ano.

Deixar Resposta