Rússia ameaça recorrer aos tribunais se os seus atletas não poderem competir internacionalmente

0
102

O presidente da Federação Russa de Atletismo (FRA), Yevgueni Yurchenko, apelará aos tribunais se os seus atletas forem impedidos de competir internacionalmente sob o estatuto de neutros. “A privação do estatuto neutro é uma violação monstruosa dos direitos dos desportistas. Considero que é necessário defendê-los nos tribunais”, disse Yurchenko numa entrevista ao canal Match TV.

Alguns atletas já manifestaram a possibilidade de mudarem de nacionalidade como Maria Lasitskene, Aksana Gataullina, Matvey Volkov e Sergei Shubenkov. A este respeito, o ministro dos Desportos da Rússia, Oleg Matitsin afirmou ao mesmo canal televisivo: “Respeitamos qualquer decisão dos nossos desportistas, ainda que não imagine maior honra do que ser cidadão russo. Eles devem compreender que não poderão participar durante três anos em competições internacionais sob outra bandeira. Não compreendo o que ganharão os atletas com uma mudança de cidadania”.

Deixar Resposta