Sporting lidera com turcas pegadas e Benfica (sem Pichardo) é 3º ainda com hipóteses

0
1208

O Sporting terminou a 1ª jornada da Taça dos Clubes Campeões Europeus que se está a disputar em Castellón (Espanha) com um ponto de vantagem sobre as turcas do Enke, numa luta que promete durar até à última prova da jornada de domingo. No setor masculino, o Benfica, sem poder contar com Pablo Pichardo (o que lhe terá custado sete pontos) começou mal, mas terminou a jornada (em 3º lugar) a seis pontos do Playas de Castellón e a um do Enke, diferenças que não são impossíveis de recuperar.

O Sporting ganhou nada menos de cinco das onze provas da 1ª jornada e foi mais três vezes segundo e uma terceiro, apenas estando pior (4º lugar) nos 400 m barreiras e 4×100 m. Em comparação com as pontuações do ano passado nas mesmas provas, o Sporting soma mais 9 pontos, embora 5 deles na estafeta, prova na qual foi desclassificado em 2018. A jornada de amanhã não parece tão favorável mas o Sporting tem boas hipóteses de ganhar no triplo (Patrícia Mamona) e nos 4×400 m. Tudo dependerá do que conseguir nas restantes provas… e do que fizerem as turcas, que na 1ª jornada nunca baixaram do 3º lugar. As restantes equipas estão afastadas da luta pelo título (o USK Praga, terceira, tem apenas 49 pontos, contra 77 do Sporting) e a formação espanhola do Valência (apenas 4ª) é a grande desilusão.

Nesta jornada, o destaque vai para as vitórias de Cátia Azevedo nos 400 m (52,44), Evelise Veiga no comprimento (6,58, a três centímetros do seu recorde pessoal) e Irina Rodrigues no disco (60,81 com mais dois lançamentos a 60,41), já que os triunfos de Noeli Yarigo nos 800 m e Fancy Cherono nos 3000 m obstáculos eram amplamente esperados e foram conseguidos com boas vantagens. Destaque ainda para o 2º lugar de Cláudia Ferreira no dardo (50,95, perto do seu recorde pessoal de 51,50). Sara Moreira nos 3000 m e Marta Onofre na vara (ambas segundas) cumpriram.

O Benfica bem pode queixar-se do impedimento (estranhamente imposto pela Associação Europeia à última hora) de Pedro Pichardo. Com ele naturalmente vencedor (o espanhol Pablo Torrija ganhou com 16,80), o Benfica estaria agora à frente com um ponto de vantagem sobre a equipa espanhola e seis sobre a turca. Em comparação com as classificações nas mesmas provas em 2018, o Benfica tem agora menos nove pontos… que seriam três sem contar com o triplo. Notas positivas para o júnior queniano Edward Zakayo, que ganhou os 5000 m (festejando na reta final) a dois outros africanos, e para Francisco Belo, folgado (mais de um metro) vencedor do peso (com 19,73). O polaco Marcim Lewandowski foi segundo nos 1500 m, perdendo na reta final face ao queniano do Enke Ferguson Cheruiyot, e a equipa de 4×100 m, sem Diogo Antunes e David Lima, conseguiu um inesperado 2º lugar (José Lopes-Frederico Curvelo-Delvis Santos-Mauro Pereira). Paulo Conceição foi terceiro na altura, com 2,13 (falhou depois um ensaio a 2,16 e dois a 2,19) e os restantes ficaram todos aquém do esperado, a começar por Ricardo Santos, 4º nos 400 m com 47,91 (será que o Benfica vai prescindir de Raidel Acea, que também ainda não tem autorização da IAAF para competir por Portugal?). A formação espanhola esteve bastante bem (duas vitórias e quatro segundos lugares) e a turca ganhou quatro provas mas foi última nos 400 m, penúltima na altura e apenas sexta no peso e 4×100 m. Haverá luta a três na segunda jornada…

VENCEDORES E ATLETAS PORTUGUESES

FEMININOS
Vencedoras Atletas do Sporting
100 m (+1,4) Ivet Lalova TUR 11,28 3ª Lorène Bazolo 11,57
400 m Cátia Azevedo POR 52,44 (2ª Zoey Clark GBR 53,35)
800 m Noeli Yarigo POR 2.04,61 (2ª Asli Arik TUR 2.07,86)
3000 m Yasemin Can TUR 9.06,38 2ª Sara Moreira 9.11,24
3000 ob. Fancy Cherono POR 9.39,30 (2ª Tugba Guvene TUR 9.40,31)
400 bar. Elif Goren TUR 58,13 4ª Andreia Crespo 60,44
Vara Romana Malaková CHE 4,10 2ª Marta Onofre 4,10
Comp. Evelise Veiga POR 6,58 (2ª Fatima Diame ESP 6,41)
Disco Irina Rodrigues POR 60,81 (2ª Lisa Brix DIN 54,86)
Dardo Selena Durna TUR 53,80 2ª Cláudia Ferreira 50,95
4×100 m USK Praga CHE 45,00 4º Sporting 45,49
MASCULINOS
Vencedores Atletas do Benfica
100 m (+2,0) Ramil Guliyev TUR 10,16 6º José Lopes 10,50
400 m Masilo Boitumelo ESP 46,45 4º Ricardo Santos 47,91
1500 m Ferguson Cheruiyot TUR 3.45,05 2º Marcin Lewandowski 7.45,76
5000 m Edward Zakayo POR 13.53,01 (2º Thierry Ndikumwonayo ESP 13.55,03)
400 bar. Aron Koech TUR 51,51 5º Diogo Mestre 52,54
Altura Adrijus Glebauskas LIT 2,16 3º Paulo Conceição 2,13
Triplo Pablo Torrijos ESP 16,80 7º Júlio Almeida 15,04
Peso Francisco Belo POR 19,73 (2º Sarunas Banevicius LIT 18,54)
Martelo Ozkan Baltaci TUR 73,35 4º António Vital Silva 66,20
4×100 m Rotterdam At. HOL 40,09 2º Benfica

Pontuações coletivas:

Femininos: 1º Sporting (POR) 77; 2º Enka (TUR) 76; 3º USK Praga (CHE) 49; 4º Valência (ESP) 48; 5º Thames Valley H. (GBR) 45; 6º Sparta AM (DIN) 40; 7º JKU (FIN) 33; 8º Atletica Studentesca (ITA) 26.

Masculinos: 1º Playas de Castellon (ESP) 61; 2º Fenerbahce (TUR) 56; 3º Benfica (POR) 55; 4º Cosma (LIT) 47; 5º Birchfield Harriers (GBR) 46; 6º Universita Brno (CHE) 37; 7º Rotterdam At, (HOL) 33; 8º Sparta AM (DIN) 25.

 

Deixar Resposta