Vânia Silva em foco em Cerveira

0
2557

A um mês de completar 38 anos, a sportinguista Vânia Silva volta a estar em foco. Este fim-de-semana, em Lovelhe (V. N. Cerveira), conseguiu as suas melhores marcas no martelo desde 2015, com 61,75 (no sábado) e 63,65 (no domingo), respetivamente na V Jornada de Lançamentos e no Torneio Internacional de Lançamentos que ali se realizaram, com larga participação espanhola, como é habitual. Ainda no martelo, destaque para a bracarense Andreia Venade, que lançou 54,48 e 55,43, aproximando-se do seu recorde pessoal de 56,07, conseguido em 2016.

Quem voltou a estar muito bem foi o júnior benfiquista Leandro Ramos, novamente acima dos 70 metros no dardo, com 71,58, a sua segunda marca de sempre depois dos recentes 73,61, que ficaram a 33 cm do recorde nacional júnior.

Progressos registou o madeirense (GD Estreito) Décio Andrade, que passou de 61,06 em 2017 para 65,15 no sábado, lançando depois 62,73 no domingo. António Vital Silva foi um natural vencedor, com 66,79 no sábado mas voltando a superar os 70 m no domingo (70,01). Regresso de Dário Manso, com 65,85.

No disco, Irina Rodrigues lançou a 58,19 e 58,64 e Filipe Vital Silva a 53,97 e 54,48.

Deixar Resposta