Yuri Kawauchi regressa à Maratona de Boston como profissional

0
353

O japonês Yuri Kawauchi, surpreendente vencedor da última edição, regressa este ano à 123ª edição da Maratona de Boston, duas semanas depois de ter deixado o seu trabalho como funcionário público para preparar o Mundial de 2021 em Eugene. O seu grande sonho é conseguir lá uma medalha.

Kawauchi, de 31 anos, venceu o ano passado em 2h15m58s, debaixo de péssimas condições atmosféricas com muito frio, chuva e vento. Agora, volta a enfrentar o queniano campeão mundial, Geoffrey Kirui, a quem derrotou no ano passado.

O japonês trabalhava então 40 horas semanais como funcionário numa escola na província de Saitama. Compensava então a sua falta de treinos competindo quase todos os fins de semana, tendo já corrido mais de 80 maratonas em menos de 2h20m, um recorde mundial.

“Sinto uma pressão extrema. Apesar da minha vitória no ano passado, não me considero um excelente corredor. O meu objetivo é sempre fazer o melhor possível e mostrar as minhas qualidades”, disse Kawauchi ao canal olímpico.

Em femininos, a veterana queniana Edna Kiplagat, de 39 anos, duas vezes campeã mundial, é uma das favoritas juntamente com as etíopes Aselefech Mergia, de 34, e Mare Dibaba, de 29.

Deixar Resposta