Radiografia ao Atleta do Pelotão/As caraterísticas do corredor em 2017

0
224

Entrevistámos 111 atletas em 29 provas durante 2017. 50,5% deles têm até 40 anos de idade e 51,4% corre há até cinco anos. 84,6% estreou-se numa prova até 10 km. 56,8% treina no máximo três vezes por semana. 75% nunca desistiu numa corrida e 69,8% veio para o atletismo por sua iniciativa. 95,7% gostou da organização das provas

Tal como vem sendo hábito em Janeiro, apresentamos o estudo referente às mini entrevistas que realizámos em 28 corridas durante 2017.

No total, entrevistámos 111 atletas, dos quais 52 do sexo feminino (47%). Como aconteceu em anos anteriores, o total de respostas a cada pergunta, não corresponde necessariamente aos 111 entrevistados.

Começamos pela idade dos entrevistados:

Idades dos Atletas
Até 30 anos 16 14,41%
31 a 40 40 36,04%
41 a 50 28 25,23%
51 a 60 14 12,61%
Mais de 60 13 11,71%
Total 111

Como podemos ver, pouco mais de metade (50,45%) têm até 40 anos de idade.

Geografia dos clubes
Norte (Trás-os-Montes, Minho, Porto e Aveiro) 5 4,50%
Centro (Viseu, Guarda, C. Branco, Coimbra, Leiria e Santarém) 6 5,41%
Região Grande Lisboa (Lisboa e Setúbal) 52 46,85%
Alentejo e Algarve + Brasil (1) 10 9,01%
Individual 38 34,23%
Total 111

Como as entrevistas foram feitas em 24 das 29 provas na região da Grande Lisboa, é natural que a maior parte dos atletas pertençam a clubes desta área geográfica. De salientar a percentagem de atletas que correm como Individuais (34,23%), ainda assim inferior aos 43,64% registados o ano passado.

Há quantos anos começou a correr
Até 1 ano 10 9,35%
1 a 5 anos 45 42,06%
6 a 10 anos 25 23,36%
11 a 20 anos 16 14,95%
+ 20 anos 11 10,28%
Total 107

51,41% dos entrevistados corre entre um e cinco anos. Mas enquanto em 2016, tínhamos entrevistado 18,35% daqueles que corriam há menos de um ano, a percentagem agora ficou-se por metade (9,35%).

Quilometragem 1ª prova
Até 10 km 93 84,55%
11 a 1/2 Marat. 17 15,45%
+ 1/2 Maratona 0 0,00%
Total 110

Como vem sendo hábito e compreensível, a maioria dos atletas iniciaram-se em provas até 10 km. E dos 93 de agora, 11 deles (11,8%) iniciaram-se nas minis das pontes 25 de Abril e Vasco da Gama.

Lembramos que em 2010, tivemos 19,6% de entrevistados que começaram nas minis das pontes.

Nº Treinos semanais
0 4 3,60%
1 a 2 31 27,93%
2 a 3 28 25,23%
3 a 5 32 28,83%
5 a 6 7 6,31%
+ 6 9 8,11%
Total 111

31,53% treina até um máximo de duas vezes por semana.  A maior percentagem está situada em quem treina 3 a 5 vezes. Com mais de seis treinos, temos apenas 8,11% enquanto em 2010, a percentagem tinha sido de 22%. Treina-se menos agora mas em contrapartida, muitos têm outra atividade desportiva, particularmente em ginásios.

Veio para o atletismo por sua iniciativa
Sim 76 69,72%
Não 33 30,28%
Total 109

Mais de 2/3 dos entrevistados aderiu ao mundo das corridas por sua iniciativa. Dos que vieram “empurrados” por alguém, a maioria foi-o pela família e amigos.

Já desistiu alguma vez
Sim 26 25,00%
Não 78 75,00%
Total 104

2/3 dos atletas nunca desistiram. A maior parte deles que já o fez, foi por lesão. Mas também houve quem o fizesse por altruísmo, socorrendo outro atleta que se lesionou.

Gostou da organização
Sim 67 95,71%
Não 1 1,43%
c/ reservas 2 2,86%
Total 70

Aumentou a percentagem de quem se mostrou satisfeito com a qualidade organizativa das provas. O ano passado, tinha sido de 86,75%, enquanto este ano atingiu os 95,71%. Excelente! A esmagadora maioria das provas populares não fica nada a dever ao que se faz lá fora.

O que é para si o mais importante numa corrida
Abastecimentos 34 26,77%
Percurso 60 47,24%
Trânsito 17 13,39%
Convívio 16 12,60%
127

Outros: chegar ao fim e ser feliz (10), bem-estar (8), diversão (8), segurança (6), participar (5), superação (5), companheirismo (4), ambiente (3), desafio próprio, etc.

Nesta questão, pedimos a cada entrevistado que indicasse qual era para si o fator mais importante, entre abastecimentos, percurso e trânsito.

Mas houve muitos atletas que indicaram outros aspetos que eram para si os mais importantes. Daí que o número total ultrapasse largamente os 111 entrevistados.

Como podemos observar, quase metade (47,24%) refere o percurso como o mais importante. Parece-nos que as baixas percentagens havidas nos abastecimentos e trânsito, têm a ver com a qualidade das organizações. Os abastecimentos raramente falham e não há viaturas a passar no percursos.

Profissões
Administrativo 8
Professor 7
Advogado 5
Informático 4
Engenheiro 4
Funcionário público 4
Estudante 3
Consultor 3
Desenhador 3
Vendas 3
Bancário 3
Estudante 3
Reformado 3

Referimos aqui apenas as 13 primeiras profissões com até três pessoas. Estas 53 representam 47,7% do total, reveladoras da diversidade do pelotão. Tivemos um pouco de tudo, como um bibliotecário, personal treiner, oceanográfica, pasteleira, psicólogo, bioquímico, esteticista, pintor automóveis, marceneiro, etc.

Corridas onde foram feitas as entrevistas
14-jan Campeonato Nacional Estrada/Oeiras
29-jan 26º Grande Prémio Fim da Europa/Sintra
05-fev 21ª Corrida da Árvore/Lisboa
12-fev Corrida do Atlântico/Costa da Caparica
05-mar Corrida das Lezírias/Vila Franca de Xira
19-mar Meia Maratona Lisboa
02-abr Corrida dos Sinos/Mafra
09-abr Corrida do Benfica/Lisboa
15-abr Corrida de Constância
22-abr Scalabis Night Race/Santarém
01-mai Corrida Internacional 1º Maio/Lisboa
07-mai Corrida D. Estefânia/Lisboa
21-mai Alegro Meia Maratona/Setúbal
03-jun Corrida de Santo António/Lisboa
10-jun Prova do Sal/Alcochete
01-jul Corrida do Sporting/Lisboa
08-jul Sunset Run Ribeirinha/Baixa da Banheira
03-set Corrida do Avante/Seixal
15-out Maratona de Lisboa Rock’ Roll
22-out Meia Maratona de Coimbra
28/10 Duratrail da Arrábida/Setúbal
12/11 Meia Maratona da Nazaré
25-nov Corrida doVitória/Setúbal
03-dez Meia Maratona e 10 km dos Descobrimentos/Lisboa
09-dez Trilhos do Javali/Setúbal
10-dez Grande Prémio do Natal/Lisboa
16-dez S. Silvestre do Sado/Setúbal
30-dez S. Silvestre de Lisboa

Deixar Resposta