14 Março: Aniversário de Tsanko Arnaudov/Recordista nacional do peso

0
1626

Tsanko Arnaudov nasceu em 14 de Março de 1992 em Gotse Delchev, na Bulgária. Veio para Portugal aos 12 anos de idade, acompanhando os pais que emigraram para o nosso país. Tornou-se cidadão português em Novembro de 2010.

Iniciou-se no atletismo na URCA – União Recreativa e Cultural da Abrunheira, chegando a ficar nos dez primeiros nas corridas de iniciados e juvenis do Torneio das Localidades do concelho de Oeiras. “Vi pessoas a correr, juntei-me a elas e comecei a treinar também. Foi bom pois ajudaram-me a aprender a falar português”, contou ele à Revista Atletismo, em Março de 2011, quando foi eleito “Revelação do Mês”. Apenas com um ano no atletismo, tinha chegado aos 17,46 m com o peso de 6 kg.

Lançador do peso por acaso

Um acaso tornou-o lançador do peso, Um dia, no Estádio Nacional, numa sessão de entrega de prémios do Torneio das Localidades, houve uma Prova Aberta. Tsanko também foi lançar e chegou aos 12 metros. Começou a treinar lançamentos mas três meses depois, o seu treinador teve que abandonar e Tsanko voltou às corridas. Até que deram o contacto de Elisa Costa (antiga recordista nacional do disco) ao pai de Tsanko. Este, entretanto, perdera a vontade de lançar mas o pai, em boa hora, obrigou-o. “Ainda bem que o fez. Quando voltei a lançar, senti que era isso mesmo que eu queria”, recordou o atleta, que entretanto se lesionou e teve que ser operado ao menisco interno do joelho esquerdo, só regressando em Setembro de 2009, federando-se então pelo Benfica.

Júnior de 1ª época, Tsanko começou logo a dar nas vistas, sendo segundo nos Nacionais de Juniores de pista coberta e ar livre. Esteve então no Campeonato Europeu de Juniores.

Medalha de bronze no Europeu de 2016

Em Março de 2014, passou a ser orientado pelo ucraniano Vladimir Zinchenko, durante muitos anos o treinador de Marco Fortes. Em 2015, chegou aos 19,87 m na abertura da época ao ar livre, em Maio. Uma semana depois, numa simples prova de preparação, na pista da Alta do Lumiar, abriu o concurso com 20,15 m (mais um recorde pessoal) e chegou a surpreendentes (até para ele) 21,06 m ao segundo ensaio.

No Campeonato da Europa de 2016, obteve uma surpreendente medalha de bronze ao lançar 20,59 m.

Nesta época de inverno, esteve bastante regular acima dos 20 metros, com três pontos altos em Pombal, em fevereiro: 20,86, 20,57 e o recorde nacional de 21,27 (mais 19 cm que o anterior, de 2017).

Internacionalizações

– Campeonato da Europa de Pista Coberta em 2017

– Jogos Olímpicos de 2016

– Campeonato do Mundo de 2015

– Campeonato da Europa de 2016

– Europeu de Seleções de 2015

– Taça da Europa de Lançamentos desde 2013

– Campeonato da Europa de Sub’23 de 2013

– Campeonato do Mediterrâneo (sub’23) de 2014

– Campeonato da Europa de Juniores de 2011

Principais classificações nacionais no peso (Disco entre parênteses)
  CP CP pc CN s23 CN s23 pc CN J CN J pc
2010     2º *
2011     1º (3º D)
2012 3º (1º D)    
2013    
2014 2º (3º D) 1º (1º D)    
2015      
2016      
2017          
* não recebeu medalha por ser ainda estrangeiro e maior de 18 anos
CP – Campeonato de Portugal
CP pc – Campeonato de Portugal de pista coberta
CN s23 – Campeonato Nacional sub 23
CN s23  pc – Campeonato Nacional sub 23 pista coberta
CN J – Campeonato Nacional de Juniores
CN J  pc – Campeonato Nacional de Juniores pista coberta

PARABÉNS TSANKO ARNAUDOV!

Deixar Resposta