Quenianos dominaram Meia-Maratona do Porto

0
460

Como habitualmente os atletas quenianos dominaram a Meia-Maratona do Porto, ganha por Mike Kiptum Boit (1.00.53) e Susan Kipsang Jeptoo (1.11.06). Os atletas desse país ganharam pela 9ª vez no setor masculino e pela 10ª no feminino, em 12 edições da prova, e, este ano, ocuparam os quatro primeiros lugares masculinos (e 10 dos 12 primeiros!) e os dois primeiros femininos.

O vencedor deixou o seu compatriota Abraham Kasongor a 26 segundos (1.01.19). Ismael Kalade completou o pódio em 1.02.00.

Como habitualmente, os melhores portugueses terminaram distantes: Luís Saraiva (SC Braga) ganhou esse despique, em 1.07.23, com José Moreira (Sporting) a dois segundos e João Almeida a 26 segundos.

No setor feminino, triunfou Susan Jeptoo (1.11.06), três segundos à frente de Sharon Jemutai Cherop. Completou o pódio a ugandesa Juliet Chekwel, em 1.11.55. Susana Godinho (Sporting) foi a melhor portuguesa, em sétimo, com 1.18.47, sendo a única atleta nacional a menos de 1h 20m. Bem depois chegaram Andreia Cunha (8ª com 1.23.55) e Diana Almeida (9ª com 1.25.00).

Completaram a prova 4229 concorrentes, bem aquém dos chegados em 2017 (4746) e 2018 (5285). Desses 4229 classificados, 567 (13 por cento) são estrangeiros. A par da meia-maratona, realizou-se uma caminhada de 6 km.   

Deixar Resposta