Etiópia domina primeira maratona “dourada” do ano

0
2374

A primeira maratona do ano com o grau dourado da IAAF disputou-se em Xiamen, na China e teve nos etíopes, os grandes dominadores.

Lemi Berhanu, de 22 anos, vencedor da maratona de Boston o ano passado, apresentava-se como a grande atração em Xiamen e confirmou as expetativas ao vencer em 2h08m27s.

Mosinet Geremew estreou-se na distância sendo segundo com 2h10m20s e Shura Kitata, de 20 anos e segundo nesta prova em 2016, chegou pouco depois com 2h10m36s. Foi um pódio totalmente etíope e muito jovem pois os três têm menos de 25 anos.

Em femininos, as etíopes também dominaram com Meseret Mengitsu, de 26 anos, a derrotar as compatriotas  Workenesh Edesa (24 anos) e Melkam Gizaw (26 anos).

Mengitsu, vencedora da Maratona de Pequim em 2016, apresentava-se com a marca mais rápida de entre todas as participantes. Embora longe do seu melhor, ela venceu em 2h25m58s.

Edesa não pôde repetir agora o triunfo obtido o ano passado e teve que conformar-se com a segunda posição em 2h26m27s. Melkam Gizaw, que procurava a sua primera vitória em maratonas, após ter sido segunda o ano passado em Seul e Pequim, ocupou o último lugar do pódio com 2h26m47s.

Cerca de 30.000 atletas de 31 países terminaram os 42,195 quilómetros en Xiamen, uma cidade costeira da província chinesa de Fujian que organizou este ano a 15ª edição da sua Maratona Internacional.

Deixar Resposta