Apesar das aquisições do Sporting, Benfica mantém favoritismo na pista

0
3728

Terminado o período de transferências, é altura de começar a fazer contas. E se, no setor feminino, a vantagem do Sporting se mantém enorme – e agora se estende ao corta-mato -, no masculino, o Benfica deverá continuar a dominar na pista (embora sem a enorme vantagem anterior) e parte favorito no corta-mato… que perdeu na época passada.

Na pista, apresentamos uma previsão teórica com base nos antecedentes próximos (épocas de 2015 e 2016). O Benfica parte favorito em 12 das 21 provas, contra seis previsíveis triunfos do Sporting e três igualdades teóricas. Mas, claro, tudo dependerá da evolução da época, da recuperação de alguns atletas lesionados (Yazaldes Nascimento, Miguel Moreira, Jorge Paula, Diogo Mestre, por exemplo), da evolução (positiva ou negativa) de outros. Fica o quadro… que vale aquilo que vale, a quase nove meses de distância. Relativamente à pista coberta, com menos provas, o Benfica é favorito em 8 delas e o Sporting em 5, ficando 3 em dúvida.

Eis o quadro, com uma chamada de atenção: o espanhol Frank Casañas, apontado como reforço do Sporting, não poderá participar em competições coletivas pois, na altura da competição, ainda não terão passado 12 meses sobre a sua última participação internacional pelo seu país (Jogos Olímpicos do Rio) nem terá dois anos de residência efetiva em Portugal.

 

No corta-mato, e com base na classificação do Campeonato de Portugal de 2016, que o Sporting ganhou com 24 pontos, contra 27 do Benfica, os encarnados ganhariam agora com 20 pontos, contra 24 dos “leões”:

Benfica: 2º Ricardo Ribas; 4º Alberto Paulo; 5º Hermano Ferreira (ex-SCP); 9º Tiago Costa = 20 pontos.

Sporting: 3º Rui Teixeira; 6º Licínio Pimentel; 7º Pedro Ribeiro; 8º Hélder Santos (ex-MAC) = 24 pontos.

Recorde-se que o vencedor foi Nelson Cruz, que se mantém no Clube Pedro Pessoa e que, nos lugares imediatos, se classificaram três atletas transferidos: 10º Rui Silva SLB (ex-SCP); 11º Eduardo Mbengani SLB (ex-SCP); 12º Bruno Albuquerque SCP (ex-SLB).

Deixar Resposta