Balanço da época 2019 (Juniores M): Nuno Pereira campeão europeu e Leandro Ramos recordista de Portugal

2
179

Foram vários os juniores a brilhar a grande altura na época agora terminada. Nuno Pereira sagrou-se campeão europeu de 1500 m; Etson Barros conquistou a medalha de bronze nos 3000 m obstáculos; e Leandro Ramos bateu não só o recorde nacional de juniores do dardo como também os de sub’23 e absoluto. Mas também Edgar Campre obteve a melhor marca nacional de sempre no decatlo júnior; Gerson Baldé passou 2,17 na altura e João Pedro Buaró 5,12 na vara. Em suma, muitos nomes a salientar, sem esquecer o do ainda são-tomense Omar Elkhatib, primeiro ano júnior e já com 21,61 aos 200 m e 46,94 aos 400 m.

A época passada, que em termos de melhores marcas do ano superara largamente a de 2017 (15-8), foi também melhor que esta, embora por margem mínima: 14 marcas melhores em 2018, 12 em 2019 e uma igual (comprimento).

Coletivamente, o Sporting quebrou uma longa série de títulos do Benfica – nove ao ar livre e oito em pista coberta – ganhando com boa vantagem nos dois campeonatos nacionais: 435-357 pontos ao ar livre; 277-224 em pista coberta.

PÓDIO:

1º NUNO PEREIRA (SPORTING)

O atleta madeirense brilhou na sua primeira época no Sporting, sagrando-se campeão europeu de 1500 m e progredindo de 3.47,28 para 3.43,53, marca que apenas um júnior superou até agora, o recordista nacional Rui Silva, com 3.40,09 em 1996.Também melhorou nos 800 m, de 1.50,04 para 1.49,71. Ainda júnior, foi o representante português nos 800 m do Europeu de Seleções (5º) e ganhou a prova na I Divisão, tanto em pista coberta como ao ar livre.

2º LEANDRO RAMOS (BENFICA)

Na época passada progredira 10 metros, de 63,65 até 73,61. Este ano juntou-lhe mais quase quatro metros, chegando a 77,52, recorde de Portugal. Só se esperaria melhor no Europeu de Juniores, onde foi “apenas” 9º, com 70,64, depois de ter conseguido 74,55 na qualificação.

3º ETSON BARROS (BENFICA)

Ainda júnior de 1º ano, foi medalhado (3º) nos 3000 m obstáculos do Europeu de Juniores, especialidade na qual já baixara dos nove minutos (8.59,12). Promete…

E AINDA…

Edgar Campre chegou aos 7328 pontos no decatlo júnior, marca que apenas Mário Aníbal (ainda com os engenhos de seniores) suplantou até agora. Gerson Baldé progrediu de 2,02 para 2,17 na altura, sendo o 2º português do ano. Gonçalo Veloso, ainda júnior I, passou de 2,01 para 2,12. João Pedro Buaró, na vara, de 4,95 para 5,12 e também ainda continuará júnior em 2020. Ilírio Nazaré progrediu quase oito metros no dardo (57,95-65,80). Paulo Soares, com 52,46 nos 400 m barreiras (tinha 54,62 em 2018), foi o terceiro português do ano. E Duarte Gomes foi o melhor fundista júnior, com bons progressos nos 3000 m (8.31,19-8.18,02) e 5000 m (14.58,00-14.16,60), tendo-se estreando nos 10000 m com 31.14,96.

RECORDES NACIONAIS JUNIORES BATIDOS EM 2019

Dardo           Leandro Ramos (SL Benfica)            77,52       Castellón           26-05-2019

SUBIDAS NO TOP’10 DE JUNIORES DE SEMPRE
Leandro Ramos SLB dardo 77,52
Edgar Campre SLB decatlo/j 7328
Nuno Pereira SCP 1500 m 3.43,53
Gerson Balde SCP altura 2,17
João Pedro Buaró GDE vara 5,12
Gonçalo Veloso SLB altura 2,12
Ilírio Nazaré SCP dardo 65,80
Cleide Lopes SCP disco/1,75 53,21
Diogo Oliveira GREC altura 2,07
Carlos Pitra SCP vara 4,90
Mamadu Jaló SLB 110 m bar.  14,34
10º Paulo Soares SLB 400 bar. 52,46
Edgar Campre SLB 110b/1m 14,37
OS MELHORES JUNIORES DO ANO PROVA A PROVA
100 m Rui Corvelo 01 SCP 10,67 15º
200 m Rui Corvelo 01 SCP 22,09 18º
400 m Leandro Fevereiro 01 SCP 48,24
800 m Nuno Pereira 00 SCP 1.49,71
1500 m Nuno Pereira 00 SCP 3.43,53
3000 m Duarte Gomes 00 SLB 8.18,01
5000 m Duarte Gomes 00 SLB 14.16,60 10º
10000 m Duarte Gomes 00 SLB 31.14,96 13º
3000 ob. Etson Barros 00 SLB 8.59,12
110 b/1m Mamadu Jaló 01 SLB 14,34
110 b,/1,06 Mamadu Jaló 01 SLB 15,46 16º
400 bar. Paulo Soares 00 SLB 52,46
Altura Gerson Baldé 00 SCP 2,17
Vara João Pedro Buaró 01 GDE 5,12
Comp. André Pimenta 01 JV 7,33pc 10º
Triplo Júlio Almeida 00 SLB 15,09 12º
Peso/6 Tiago Silva 00 SCP 16,10pc
Peso/7,26 Tiago Silva 00 SCP 14,61 16º
Disco/1,75 Cleide Lopes 00 SCP 53,21
Disco/2 Cleide Lopes 00 SCP 47,16 13º
Martelo/6 Diogo Freitas 02 GDE 59,46
Mart./7,26 Carlos Malaquias 01 JV 47,03 14º
Dardo Leandro Ramos 00 SLB 77,52
Decatlo/j Edgar Campre 00 SLB 7328
10 km M Ruben Santos 00 SCP 44.43,62
4×100 m Sporting CP 42,07
4×400 m Sporting CP 3.17,62

Nota: indicamos, sucessivamente, prova, atleta, ano de nascimento, clube, marca e lugar no ranking nacional do ano

Ver rankings 2019: http://atletismo-estatistica.pt/jovens-ar-livre-2019-m-word/

2 Comentários

  1. falta o Mamadu Jaló na lista de subidas no TOP’10 de Juniores de sempre

    110 M BARREIRAS (1,00 m)

    1º 13,61 João Almeida 88 Sporting CP 07
    2º 13,89 David Bernardo 90 (França) 09
    3º 13,98 Marcos Chuva 89 SL Benfica 08
    4º 14,22 Samuel Remédios 92 GA Fátima 11
    5º 14,23 Yvan Ribeiro 99 (França) 17
    6º 14,29 Diogo Guerra 99 SL Benfica 17
    7º 14,31 Tiago Ferreira 87 FC Porto 06
    8º 14,34 Hugo Espírito Santo 93 Sporting CP 11
    8º 14,34 Mamadu Jaló 01 SL Benfica 19
    10º 14,37 Rasul Dabo 89 JOMA 08
    10º 14,37 André Costa 92 GDRC Coina 11
    10º 14,37 Edson Gomes 98 SL Benfica 17
    10º 14,37 Edgar Campre 00 SL Benfica 19

Deixar Resposta