Balanço da época 2019 – marcha (M): João Vieira: quanto mais velho, melhor!

0
826

Aos 43 anos de idade, João Vieira soma e segue: liderou pelo 22º ano consecutivo o ranking de 20 km marcha e sagrou-se vice-campeão mundial de 50 km! Foi a grande sensação da época e dá toda a ideia de que não se ficará por aqui em termos de domínio da marcha nacional. Os seus mais próximos adversários, uma vintena de anos mais novos (!), continuam longe…

PÓDIO:

1º JOÃO VIEIRA (SPORTING)

Depois de sagrar campeão de Portugal em Porto de Mós, com 3.51.46, e de ser terceiro na Taça da Europa, com 3.46.38, a sua terceira marca de sempre nos 50 km (a seguir aos 3.45.17 de 2012 e aos 3.45.28 de 2017), foi ao Mundial de Doha arrancar, debaixo de intenso calor, um surpreendente segundo lugar (4.04.59). Os 20 km foram este ano secundários, mas conseguiu 1.22.06 (7º no Grande Prémio de Rio Maior) e 1.22.27 (36º na Corunha). Fez o pleno de títulos nacionais: pista coberta (5 km), pista (10 km) e estrada (20, 35 e 50 km).

2º MIGUEL RODRIGUES (BENFICA)

Progrediu bem, de 1.26.05 para 1.25.59 e, depois, 1.24.31 (19º em Rio Maior), sendo vice-campeão de Portugal, com 1.27.59.

3º MIGUEL CARVALHO (BENFICA)

Caiu para terceiro, com uma melhor marca de 1.24.53, aquém da marca-recorde de 1.23.31, conseguida em 2017 e 2018.

E AINDA…

Até 1h 30m, apenas Rui Coelho progrediu, de 1.26.31 para 1.26.00. O ex-júnior Paulo Martins estreou-se com 1.30.07. Nos 50 km, Pedro Santos (2º) derrotou Pedro Isidro (3º) no Campeonato de Portugal, melhorando de 4.28.20 para 4.17.04.

A REVELAÇÃO: não houve

Ranking da época em http://atletismo-estatistica.pt/

Deixar Resposta