Boas marcas em Lisboa

0
469

(Foto de arquivo)

As Provas de Preparação que a Associação de Lisboa realizou esta quarta-feira na pista secundária do Estádio Universitário proporcionaram um agradável conjunto de resultados, atendendo a esta época do ano. Nos 800 m, o benfiquista José Carlos Pinto foi um natural vencedor, em 1.50,43, mas com David Tavares Ferreira (Novas Luzes) bem perto, melhorando o recorde pessoal de 1.51,78 para 1.50,76.

Bom despique no salto em altura, com Paulo Conceição (à 2ª tentativa) e Victor Korst (à 3ª) a passarem 2,15, igualando as suas melhores marcas da época e falhando depois os 2,20. O (desta vez) ausente Gerson Baldé mantém-se como líder do ano, com 2,16 no Meeting Jovem de 1 de maio, marca que a associação lisboeta continua sem emendar na folha de resultados (está 2,15)!…

No salto com vara, Marta Onofre passou 4,15 (à primeira), falhando depois 4,25. E, no disco, Liliana Cá foi a única na prova feminina (57,79 e mais dois lançamentos acima de 57 m) e Tsanko Arnaudov, com 52,06, foi surpreendente vencedor masculino face a Francisco Belo, que marcou apenas um ensaio (a 47,99).

Outros vencedores: vara – Gonçalo Uva 4,45 (Ícaro Miranda falhou os 5,00 com que iniciou a prova); 110 m barreiras (1 m) – Mamadú Jaló 14,44.

Deixar Resposta