Espanhol corre descalço 940 km de Castellón a Corunha

0
1715

Foi neste Verão que o professor universitário Emílio Sáez Soro, de 52 anos, cumpriu um sonho de superação e aventura, ao correr descalço os 940 km que separam Castellón de Corunha.

Soro iniciou a sua transição para correr descalço em 2011. Primeiro, com sandálias e descalço logo a seguir.

Chegado o Verão, Soro quis ter umas férias diferentes. Foram 36 dias a atravessar caminhos pedregosos, pistas de montanha e estradas de todo o tipo. No final, afirmou que a sua aventura o deixou “com a sensação de que o nosso corpo e os nossos pés são muito mais fortes do que imaginamos e que pelos nossos próprios meios, podemos chegar a qualquer parte”.

Depois da sua experiência, defende que correr descalço proporciona um maior fortalecimento integral e melhoras no rendimento e assim aos 52 anos, faz melhores tempos do que aos 25 anos, quando treinava muito e era competitivo.No futuro, Soro aponta correr uma maratona em menos de três horas e melhorar o seu melhor tempo à meia maratona (1h17m). Sempre descalço!

 

  

Deixar Resposta