Estudo comprova que aumenta a motivação para a prática de desporto em Portugal

0
2491

De acordo com um estudo do Observador Cetelem 2017, quase 14% dos consumidores planeiam comprar mais material desportivo até ao final do ano

No ano passado, apenas 8% diziam despender parte do seu orçamento para comprar equipamento e material de desporto. Este ano são 14%, o que representa quase o dobro.

Segundo Pedro Camarinha, Diretor de Dsitribuição do Cetelem, estes são números interessantes que mostram um crescente interesse dos portugueses pela prática desportiva e bem-estar. “Significa também que estão preocupados com a sua saúde e em manter um estilo de vida ativo e saudável”.

O orçamento médio reservado pelas famílias para esta área em 2017 é de 170 euros. Trata-se de um valor semelhante ao do ano passado, quando os inquiridos previam gastar 157 euros. Medidas e políticas que, ao longo do tempo, têm vindo a incentivar a atividade física e a promover um maior cuidado alimentar podem estar entre as principais razões que justificam esta tendência.

Este estudo Observador Cetelem teve por base uma amostra representativa de 600 indivíduos residentes em Portugal Continental, de ambos os géneros e com idades compreendidas entre os 18 e os 65 anos.

 

Deixar Resposta