Gesto indigno do vencedor da Maratona de Moscovo torna-se viral

0
165

A cena passou-se recentemente na Maratona de Moscovo. O atleta do Quirguistão, Yuri Chechun, estava a poucos quilómetros da meta, logo atrás do russo Iskander Yadgarov.

Na última reta, Chechun colocou-se lado a lado de Yadgarov, dando-lhe um leve encontrão. O russo faz um gesto como que a pedir-lhe explicações. O incidente ficou-se então por ali.

Chechun conseguiu finalmente ganhar uns metros de avanço do russo, já na ponta final. Cortou a meta ligeiramente adiantado, o suficiente para celebrar o triunfo e fazer uma outra coisa: aproveitou o pequeno avanço para virar-se e fazer um gesto feio, provocando o rival.

O pouco desportivismo do vencedor tornou-se rapidamente viral na própria cidade de Moscovo, com o gesto a não ser apreciado pelo público presente nas imediações da meta, e depois nas redes sociais. Chechun não ficou nem um minuto na meta para celebrar o triunfo. Deixou rapidamente a zina da meta antes as vaias dos espetadores.

Deixar Resposta