Jamaicana finalista olímpica faleceu de cancro

0
1255

(Rose-Henley ao centro)

A jamaicana Dionne Rose-Henley faleceu no passado dia 24, vítima de cancro. Dionne, de 49 anos, foi especialista dos 100 m barreiras e diversas vezes finalista mundial e olímpica. Quinta nos Jogos Olímpicos de Atlanta em 1996, ela tinha um recorde pessoal de 12,64 s.

Deixar Resposta