Maratona de Valência vai contar com mais atletas de elite

0
334

A Maratona de Valência prevista para 6 de Dezembro, vai contar com mais atletas de elite e “meia elite” do que seria suposto. A razão está em ser uma das primeiras provas que vão permitir aos maratonistas obterem os mínimos para os Jogos Olímpicos em 2021.

Segundo Juan Botella, diretor da prova, “temos notado que se dirigiram a nós, mais ou menos o dobro de atletas desse perfil que em edições anteriores, porque querem correr aqui e verem as suas marcas validadas para a prova olímpica”.

Botella explicou que na última edição, correram entre 150 e 170 atletas com estas caraterísticas e que agora, já há mais de 300 pedidos de inscrição, o que significaria a presença de mais atletas do que na prova olímpica.

A World Athletics estabeleceu há umas semanas que, dados os problemas criados pela pandemia nas condições de treino e nas dificuldades em fazer testes antidoping, os mínimos para os Jogos só terão validade a partir de 1 de Dezembro.

“Não se podem correr demasiadas maratonas em 12 meses e se em Dezembro, fazes os mínimos e és selecionado pela tua Federação, competir em Valência é uma bênção para o atleta que não deve procurar desesperadamente uma prova e arriscar tudo na primavera”, acrescentou Botella.

O dirigente sublinhou ainda que caso os maratonistas falhem o mínimo em Valência, podem depois voltar a tentar mais tarde”.

A terminar, afirmou: “Não podemos aceitar todos, estamos a fazer uma pequena seleção para poder tratá-los com qualidade, porque a nossa ideia sempre, é crescer com qualidade. Talvez possamos contar à volta de uns duzentos corredores desse perfil”.

Deixar Resposta