Novos critérios da IAAF para russos suspeitos por doping voltarem a competir

0
2259

A Associação Internacional de Federações de Atletismo lançou um conjunto de critérios para que atletas russos, suspeitas de doping, possam competir em 2017.

O estatuto destes atletas será neutro, visto que a Rússia continua fora das competições, e para comprovar que estão limpos será criada uma comissão especial da IAFF. Embora o país não possa competir oficialmente, a IAFF endereçou os critérios à Federação Russa de Atletismo.

A Federação Internacional indicou também que teve acesso, por parte do relatório McLaren, a uma lista de 200 atletas russos, suspeitos de usarem substâncias proibidas, que deverão ser verificados caso tentem a competição.

Existe já uma lista de 60 atletas incluídos no sistema internacional de controlo da IAFF e segundo Sebastian Coe, “Os atletas russos foram dececionados pelo sistema que devia tê-los protegido”.

Os critérios implicam principalmente os testes de doping que têm de ser feitos, sendo que por parte da IAFF não existe confiança total no sistema russo.

“No que diz respeito aos requisitos de controlo, as diretrizes esclarecem que os atletas não têm necessariamente de ser testados fora da Rússia, mas estipulam que têm de estar integrados num programa acreditado, independente e inteiramente cumpridor do Código da Agência Mundial Antidopagem (AMA) durante um período suficientemente longo para que seja atestada a sua integridade”, diz o comunicado da IAAF.

Deixar Resposta