O dicionário do corredor para iniciados

0
1987

Se começou a participar em corridas há pouco tempo, certamente que já se deparou com uma ou outra expressão que não conhecia. É o caso de termos como lebre, farlek, bater no muro, etc.

Eis alguns desses termos:

Altimetria

Representada por gráficos ou mapas, aponta as subidas e descidas que os corredores terão pela frente nas provas.

Bater no muro dos 30

Para muitos corredores, o ponto mais crítico de uma maratona é o km 30. Com o corpo e o lado mental desgastados, o corredor tem a sensação de correr contra uma parede assim que atinge essa distância. Mas também há muitos corredores que não sentem esse muro ou então, mais próximo da meta.

Lebre

“Lebre” é o atleta que dita o ritmo de um pelotão. Nas grandes provas, é habitual os atletas de alta competição serem acompanhados por “lebres” quando querem estabelecer recordes. “Pacer”, palavra vinda da língua inglesa, serve como sinónimo.

Core

“Fortalecer o core” é uma das expressões da moda na corrida. Quando alguém disser isso, entenda como um aprimoramento nos músculos responsáveis por dar suporte e estabilidade para a região pélvica lombar e quadril.

Endorfina

Já teve aquelas boas sensações quando correu? Elas são possíveis graças à libertação de endorfina, substância produzida pelo cérebro durante a atividade física que traz a sensação de bem-estar.

Fartlek

Se tem um treinador e ele colocar um fartlek no seu caminho, saiba o que o espera. Trata-se de um treino com alternância entre ritmos fortes e leves. Essa oscilação pode ser determinada por tempo ou distância. O fartlek também é conhecido como treino intervalado.

FC Máx

A sigla “FC” é o equivalente a “frequência cardíaca”. “FC Máx” é o limite seguro que o atleta pode atingir nos seus batimentos cardíacos.

Overtraining

Em inglês, “over” significa “acima”. Portanto, “overtraining” tem a ver com uma carga excessiva de treinos, que leva a um quadro de exaustão e pode manifestar-se em forma de lesão.

Pace

“Pace” significa “ritmo” em inglês. Trata-se do tempo que o corredor precisa para percorrer 1 km.

Quebrar

Quando o atleta se vê sem forças para seguir adiante numa prova. Não há relação nenhuma com a quebra de algum osso. A “quebra” pode ser provocada por má preparação, andamento demasiado inicial rápido ou equívoco na alimentação, entre outros fatores.

VO2 máximo

É um sinal de como está a condição física do corredor. Trata-se do volume máximo de oxigénio que o corpo consome durante o exercício físico. Quanto maior é o VO2 máximo, mais condicionado é o atleta.

 

Deixar Resposta